Internado no Rio com covid-19, Renan Dal Zotto é intubado nesta segunda-feira

Treinador da seleção brasileira de vôlei, Renan deve ficar três dias entubados até que os médicos retirem os aparelhos

por Agência Estado

O técnico Renan Dal Zotto, da seleção brasileira masculina de vôlei, precisou ser entubado nesta segunda-feira por complicações da covid-19. Internado desde a última sexta em um hospital no Rio de Janeiro, o treinador teve de passar pelo procedimento para manter o nível de saturação de oxigênio mais alta, de acordo com informações divulgadas pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV).

Técnico da seleção brasileira de vôlei está entubado - Foto: Divulgação / FIVB
Técnico da seleção brasileira de vôlei está entubado - Foto: Divulgação / FIVB

QUADRO CLÍNICO

"A expectativa é que o treinador permaneça neste estado de 48h a 72h para depois iniciar a retirada do respirador mecânico", informou a entidade em um comunicado oficial.

O treinador e ex-jogador da seleção brasileira testou positivo para o novo coronavírus na última terça-feira. Em isolamento, ele apresentava sintomas leves. Na sexta, porém, ele apresentou piora do quadro e precisou ser internado, no Rio de Janeiro, com baixa saturação de oxigênio no sangue.

COMPANHEIRO INTERNADO

Também na capital fluminense está internado, no Centro de Terapia Intensiva, Radamés Lattari, vice-presidente da CBV. Ele foi entubado nesta segunda-feira. "Ele segue com boa evolução clínica. Nesta segunda-feira, se encontra já sentado fora do leito, com oxigênio suplementar e em tratamento de pneumonia e trombose venosa", completou a entidade.