Uruguai x Brasil - Canarinho visita Celeste Olímpica visando manter 100%

Tradicionais rivais sul-americanos se enfrentam nesta terça-feira (17), no estádio Centenário, na cidade de Montevidéu, no Uruguai

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 17 (AFI) - Em grande momento - pelo menos, em termos de resultados, já que as atuações vêm sofrendo críticas -, a Seleção Brasileira enfrenta a Seleção Uruguaia, às 20h desta terça-feira (17), no estádio Centenário, na cidade de Montevidéu, no Uruguai, pela quarta rodada das Eliminatórias da América do Sul para a Copa do Mundo de 2022, no Qatar.

Os donos da casa aparecem na quarta colocação, com seis pontos, o mesmo do Equador. Com 100% de aproveitamento, os visitantes, por outro lado, lideram, com nove, dois a mais do que a Argentina. Paraguai, com cinco, é o quinto. Cabe destacar que os quatro melhores avançam ao Mundial, enquanto o quinto lugar vai para a repescagem mundial.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF - Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Foto: Lucas Figueiredo/CBF
OS DONOS DA CASA
O Uruguai tem baixas importantes. O atacante Luis Suárez, artilheiro das Eliminatórias com quatro gols, testou positivo para a covid-19 e verá Darwin Sanchéz, do Benfica, formando dupla ofensiva com Cavani. Outra será na lateral esquerda: também com o novo coronavírus, o palmeirense Matías Viña será substituído por Agustín Oliveros, do Nacional-URU, no setor.

OS VISITANTES
O Brasil também tem baixas por covid-19, mas bem menos importante, caso do polivalente Gabriel Menino. Neymar também não conseguiu se recuperar de uma lesão muscular e fica de fora. Em relação à formação que bateu a Venezuela, o volante Allan reclamou de dores e é dúvida. Caso não possa ir a campo, Artur entra no meio campo.

Ficha Técnica

Uruguai

Uruguai
0 x 2
Brasil

Brasil

Fase
Primeira Fase
Rodada
4ª rodada
Data
17/11/2020
Horário
20h00
Local
Centenário - Montevideu (URU) ()
Árbitro
Roberto Tobar (Chile)

Assistentes
Christian Schiemann (Chile) e Claudio Rios (Chile). VAR: Cristian Garay (Chile).

Cartões Amarelos
Uruguai: Cáceres, Giménez, Nahitan Nández
Brasil: Douglas Luiz, Richarlison

Cartões Vermelhos
Uruguai: Cavani
Gols
Brasil: Arthur 33' 1T, Richarlison 44' 1T
Uruguai
Campaña;
Cáceres, Giménez, Godín e Oliveros;
Nández, Torreira (Arambarri), Betancur (Brian Rodríguez) e De La Cruz (Jonathan Rodríguez);
Núñez e Cavani.
Técnico: Óscar Tabárez
Brasil
Ederson;
Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi;
Douglas Luiz (Bruno Guimarães), Arthur e Éverton Ribeiro (Lucas Paquetá);
Gabriel Jesus, Richarlison (Everton) e Firmino
Técnico: Tite