Ponte Preta x Guarani - Campanha ou momento... O que vai prevalecer no dérbi 194?

A Macaca está melhor colocada na tabela, mas o Bugre vem de melhores resultados após a pausa para a Copa América

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 10 (AFI) - O 194º capítulo da maior rivalidade interiorana do futebol brasileiro será escrito neste domingo, quando Ponte Preta e Guarani fazem o tradicional dérbi campineiro. A partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B acontece às 11 horas, no Estádio Moisés Lucarelli.

Antes marcado para sábado, o clássico teve a data alterada após pedido da TV que é dona dos direitos de transmissão do campeonato. 11 de agosto é justamente a data de fundação da Ponte Preta, que completa 119 anos de história neste domingo.

Essa é a terceira vez que isso acontece. Nas outras duas (1912 e 1957), a alvinegra comemorou seu aniversário com vitórias sobre o rival.

A Rádio Futebol Interior vai transmitir o dérbi campineiro direto do Moisés Lucarelli
A Rádio Futebol Interior vai transmitir o dérbi campineiro direto do Moisés Lucarelli

AO VIVO
A Rádio Futebol Interior vai estar no Moisés Lucarelli transmitindo ao vivo o dérbi com narração de Edson Carlos, comentários de Flávio Rodrigues Guerra e reportagens de Edinho Campos e Diego Bonetti.

NÚMEROS
Os dois times se enfrentaram 193 ao longo da história e a vantagem é bugrina: 66 vitórias contra 63 dos pontepretanos, além de 63 empates e um resultado desconhecido.

O retrospecto recente, porém, está do lado alvinegro. A última vitória do Guarani foi em abril de 2012, quando ganhou por 3 a 1, na semifinal do Paulistão. Depois, o alviverde teve três derrotas e um empate.

A última vez que os dois times se enfrentaram foi em março deste ano, quando a Ponte Preta ganhou do Guarani, por 3 a 0, no Moisés Lucarelli. O resultado culminou com a demissão do técnico Osmar Loss, atualmente sem clube. Na ocasião, a alvinegra já era comandada por Jorginho, que foi pé quente em seu primeiro dérbi.

VAI BOMBAR
Apesar do momento delicado que a Ponte se encontra na Série B - são três derrotas e dois empates nos últimos cinco jogos -, a torcida promete apoiar o time e lotar o Moisés Lucarelli. Na última parcial divulgada pelo clube, na tarde desta sexta-feira, 15.000 ingressos haviam sido vendidos de forma antecipada, restando bilhetes apenas para o setor VIP.

Majestoso promete estar lotado para receber o duelo entre Ponte Preta e Guarani
Majestoso promete estar lotado para receber o duelo entre Ponte Preta e Guarani

CLIMA TENSO
Assim como aconteceu nos últimos três dérbis, o deste domingo vai ser realizado com torcida única por determinação do Ministério Público. Isso, porém, não garante segurança aos torcedores.

Na noite da última quarta-feira, a Polícia Militar achou uma arma de fogo e 17 porretes de madeira em frente ao Brinco de Ouro da Princesa, onde se encontravam alguns bugrinos. Quatro pessoas foram detidas e liberadas após prestarem depoimentos no 1º Distrito Policial de Campinas.

Para evitar confrontos, o efetivo será de 300 policiais. As ruas próximas ao Majestoso estarão fechadas a partir das 7h30 e apenas torcedores com ingressos poderão entrar nos bolsões de segurança.

Além disso, os clubes foram proibidos pelo Ministério Público de abrirem os treinamentos de sábado. Isso porque o Moisés Lucarelli e o Brinco de Ouro da Princesa são separados por apenas 800 metros, existindo a possibilidade das duas torcidas se encontrarem.

MOMENTOS DISTINTOS
Apesar de estar melhor colocada que o rival - 20 pontos e ainda na briga por uma vaga no G4 -, a Ponte Preta vive um momento turbulento. A sequência negativa fez Jorginho entregar o cargo na semana passada após a derrota em casa para o América-MG, por 1 a 0, mas voltou atrás depois de conversar com a diretoria.

O técnico Jorginho dificilmente será mantido no cargo se a Ponte não ganhar do Guarani
O técnico Jorginho dificilmente será mantido no cargo se a Ponte não ganhar do Guarani

Na sequência, o time empatou sem gols com o São Bento, em Sorocaba. Um resultado que não seja a vitória neste domingo deixa a permanência do treinador insustentável. Ainda mais com Gilson Kleina livre no mercado após deixar o Criciúma.

Debutante em dérbi, Roberto Fonseca aposta no bom momento bugrino para surpreender o rival. Apesar de estar na zona de rebaixamento, com 13 pontos, o Guarani defende uma invencibilidade de três jogos - duas vitórias e um empate -, sendo que na última rodada ganhou do líder Bragantino, por 1 a 0, no Brinco de Ouro da Princesa.

QUEM JOGA?
Para não dar pistas, Jorginho fechou os treinamentos ao longo da semana, mas a tendência é que a base do último jogo seja mantida. Os meias Gerson Magrão e Matheus Vargas ficam à disposição após cumprirem suspensão automática. Washington e Tiago Real deixam o time titular.

"Não foi revelar (o time). Gostei muito das entradas do Washington e do Tiago Real. Temos as voltas do Magrão e do Vargas. Não tem dúvida, mas vou deixar isso pairando", despistou Jorginho, que deixou no ar também a possibilidade do meia Rafael Longuine, ex-Guarani, ser relacionado após dois meses lesionado.

VAI DESENCANTAR?
Revelado nas categorias de base da Ponte Preta e com uma rápida passagem pelo rival, Roger é a principal esperança de gols do time alvinegro. Mas o camisa 9 precisa lutar contra o tabu: o de jamais ter vencido e marcado gols no clássico. Foram dois empates e três derrotas até aqui.

"É sempre bom ganhar clássico, vencer. A tabela mostra que a gente vive um ano muito melhor. É ter tranquilidade para saber que está no caminho certo. O time titubeou nos últimos jogos, mas temos condições de recuperar", disse Roger.

O técnico bugrino Roberto Fonseca vai para o seu primeiro dérbi campineiro
O técnico bugrino Roberto Fonseca vai para o seu primeiro dérbi campineiro

DÚVIDA BUGRINA
Assim como Jorginho, Fonseca apostou no mistério e fechou os treinamentos da semana. A principal dúvida é a presença ou não do volante Igor Henrique, que sofreu uma contusão muscular na coxa esquerda diante do Bragantino.

A boa notícia é que o zagueiro Ferreira e o volante Deivid retornam após cumprirem suspensão, mas apenas o segundo deve ser titular.

"A gente espera que ele (Igor Henrique) possa jogar. Esperamos ter todos os jogadores à disposição para fazermos as melhores escolhas. Estamos reconstruindo a escalação e sempre pode ter uma novidade. Fizemos isso em jogos importantes e conseguimos obter sucesso", comentou Fonseca.

ARTILHEIRO EMBALADO
Para fazer a festa no dia do aniversário da Ponte, o Guarani espera que a estrela de Michel Douglas siga brilhando. Em seis jogos pelo clube, o atacante marcou três gols e deu uma assistência.

"Nos clássicos o pessoal se preocupa mais com quem esteja se destacando. Eu estou preparado, não é meu primeiro clássico. É diferente por ser Ponte Preta x Guarani, então quero mostrar meu trabalho. Estou muito feliz em ajudar com gols", disse Michel Douglas.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
15ª rodada
Data
11/08/2019
Horário
11h00
Local
Moisés Lucarelli - Campinas (SP)
Árbitro
Anderson Daronco - RS

Renda
R$ 171.745,00
Assistentes
Rafael da Silva Alves - RS e Elio de Andrade Junior - RS

Público
14.674 pagantes (16.086 total)
Cartões Amarelos
Ponte Preta-SP: Edson, Roger
Guarani-SP: Bruno Souza, Vitor Feijão

Gols
Ponte Preta-SP: Matheus Vargas 32' 1T
Ponte Preta-SP
Ivan;
Diego Renan, Reginaldo, Renan Fonseca (Airton) e Guilherme Guedes (Henrique Trevisan);
Edson (Washington), Camilo, Gerson Magrão, Marquinhos e Matheus Vargas;
Roger
Técnico: Jorginho
Guarani-SP
Klever;
Lenon, Ferreira, Luiz Gustavo e Bruno Souza (Thallyson);
Deivid (Felipe Amorim), Bruno Lima (Bady) e Ricardinho;
Vitor Feijão, Michel Douglas e Davó
Técnico: Roberto Fonseca