Confira as maiores invencibilidades de Ponte Preta e Guarani em dérbis

Macaca e Bugre se encontram pela 194ª vez neste domingo, às 11h, no Estádio Moisés Lucarelli, pela 15ª rodada da Série B

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - Ponte Preta e Guarani escrevem, neste domingo, 11, no Estádio Moisés Lucarelli, a partir das 11h, o 194º capítulo do centenário Dérbi Campineiro. Entre as mais diversas histórias do clássico, um item chama atenção: invencibilidade.

PONTE PRETA

Do lado da Macaca, a maior é 16 jogos - todos pelo Campeonato Paulista - entre 1979 e 1984. Neste ínterim, foram oito vitórias alvinegras, oito empates, 18 gols pró e sete contra. A série foi quebrada com derrota por 3 a 1, no Brinco de Ouro, pelo Estadual de 1984.

GUARANI

Pelo lado do Bugre, a mais extensa sequência positiva em dérbis é de 14 jogos entre 1987 e 2002, por quatro competições diferentes - Campeonato Paulista, Campeonato Brasileiro, Copa João Havelange e Torneio Rio-São Paulo.

Em dérbis, Ponte Preta tem 16 jogos de invencibilidade; Guarani tem 14 - Fábio Leoni / PontePress
Em dérbis, Ponte Preta tem 16 jogos de invencibilidade; Guarani tem 14

Neste intervalo, Alviverde teve seis vitórias, oito empates, 20 gols pró e 12 contra. A invencibilidade foi interrompida com revés por 4 a 2, no Brinco de Ouro, pelo Brasileirão.

PANORAMA

Ponte Preta e Guarani se reencontram no final de semana em situações opostas na Série B.

Enquanto a Alvinegra, há um mês na luta pela liderança, não sabe o que é vencer há cinco jogos - dois empates e três derrotas - e despencou na tabela, agora em nono lugar com 20 pontos.

O Bugre, por sua vez, vive período de reconstrução e oxigenação sob comando de Roberto Fonseca após parada para a Copa América.

Embora tenha fechado a 11ª rodada na lanterna, Guarani encaixou boa sequência até o clássico, conquistando sete de nove tentos possíveis, com duas vitórias e um empate - atualmente, é o 18º colocado com 13 pontos.