Independente-PA 2 x 4 Cuiabá-MT - Vaga na Série C com justiça

Cuiabá fechou as quartas-de-final com duas vitórias

por Agência Futebol Interior

Tucuruí, PA, 16 (AFI) – De forma incontestável, o Cuiabá confirmou o acesso para o Campeonato Brasileiro da Série C, neste domingo, ao vencer o Independente-PA, por 4 a 2, na cidade de Tucuruí, no Pará, no jogo de volta das quartas-de-final do Campeonato Brasileiro da Série C. O atual campeão matogrossense já tinha vencido na ida, por 2 a 0. Agora, consagrado pelo acesso, o Cuiabá vai enfrentar o Santa Cruz pelas semifinais.

O Cuiabá é um time novo, fundado há 10 anos e que tem uma direção profissional. Por isso, o sucesso em Mato Grosso. Campeão do Estado, agora avança no cenário nacional. Honrosa também a posição do Independente, fundado há apenas dois anos. Em 2011 desbancou as principais forças do Pará como Paysandu e remo, e conquistou o título estadual.

Cuiabá bem armado
Como tinha vencido em casa, o Cuiabá mostrou muita tranqüilidade para carimbar sua vaga na série C. O técnico Ary Marques posicionou bem seu time, de forma que pudesse aproveitar bem a velocidade para “matar” o adversário nos contra-ataques.
Tanto que no primeiro tempo o time perdeu três chances reais, abrindo o placar somente aos 46 minutos com o meia Fernando, um jovem nascido em Goiânia, mas radicado em Cuiabá e que se transformou na grande estrela do time.

Voltou melhor
No segundo tempo, o Independente voltou diferente, diminuindo os espaços e tentando abafar o visitante. Empatou aos dois minutos, com Daniel cobrando falta.

Mas o empate não tirou o Cuiabá do seu plano de jogo. Assim conseguiu os seus gols. Aos 15 minutos, Marcelo Ramos, de falta, fez 2 a 1. Aos 26 minutos, Renan estufou as redes depois de bela jogada de Fernando. Wegno diminuiu aos 40 minutos, cobrando pênalti, mas nos acréscimos, aos 48 minutos Willian fechou o placar.

Ficha Técnica

Independente-PA 2 x 4 Cuiabá-MT

Local: Estádio Navegantão, em Tucuruí (PA)
Árbitro: Francisco Assis Almeida Filho (CE)
Cartões amarelos: Jean e Yuri (Cuiabá). Jean, Lima e Daniel (Independente)
Cartão verelho: Rodolfo (Independente)
Gols: Fernando, aos 46’/1T, Marcelo Ramos, aos 15’/2T (falta) , Renan, aos 26’/2T e William, aos 48(Cuiabá). Daniel, falta, aos 2’/2T e Wegno, de pênalti, aos 40’/2T (Independente)

Independente
Rodolfo; Lima (Leandro), Marraquete e Adson; Luciano (Leandro Guerreiro), Daniel, Adenízio, Marçal e Vaninho; Wegno e Joãozinho (Tiago Floreano).
Técnico: Charles Guerreiro

Cuiabá
Gatti; Marquinhos, Marcelo Ramos, Yuri (Douglas Henrique) e Natanael; César Romero, Jean (Tozin), Bojé e Fernando; Willian Kozlowiski e Edu Amparo (Renan).
Técnico: Ary Marques