Ex-Palmeiras, zagueiro do Cruzeiro testa positivo para Covid pela 2ª vez

Léo foi afastado e perderá o duelo contra o URT, neste domingo, na volta do Mineiro

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 25 (AFI) - Léo não está vivendo seus melhores dias no Cruzeiro. Pela segunda vez em um pouco mais de um mês, o defensor testou positivo para o novo coronavírus. A Raposa, novamente, afastou o jogador, que ficará 14 dias confinados e perderá o duelo contra o URT, neste domingo, na volta do Campeonato Mineiro.

O Departamento Médico do Cruzeiro entende que o atleta teve um 'falso positivo' na primeira testagem, em junho, já que em duas oportunidades seguidas testou 'negativo' em menos de uma semana após ter supostamente sido infectado. Há possibilidade dele ter contraído o vírus pela segunda vez, o que ainda não foi comprovado se é possível pela ciência.

Léo pegou coronavírus
Léo pegou coronavírus
Em nota, o Cruzeiro disse: "O Cruzeiro Esporte Clube informa que o atleta Léo está fora da partida contra a URT, marcada para este domingo, por testar positivo no exame de Covid-19. A decisão pela retirada do jogador da delegação respeita os protocolos estabelecidos pela Federação Mineira de Futebol, que exige a exclusão de atletas que apresentem resultados positivos ou inconclusivos nos exames de controle".

CORONAVÍRUS
Léo é o terceiro jogador do Cruzeiro que contraiu a doença. Antes dele, tiveram Vinícius Popó, oriundo das categorias de base, e Jean, ex-Palmeiras e São Paulo.