Mineiro: Cruzeiro oferece cargo de direção a ídolo da torcida, mas ouve 'não'

O ex-jogador afirmou que só aceitaria o cargo depois que estudasse e se especializasse na área

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 23 (AFI) – O novo presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, vem tentando valorizar os ídolos do clube em sua gestão e uma das ideias seria trazer o ex-meia Alex, campeão da tríplice coroa pelo clube em 2003, para o cargo de gestor.

O ex-jogador, que atualmente atua como comentarista esportivo, não aceitou a proposta, mas acredita que ainda pode atuar nessa área no futuro. Alex tem interesse em se especializar no assunto e realizar cursos antes de assumir uma posição no clube.

Alex brilhou com a camisa do Cruzeiro em 2003
Alex brilhou com a camisa do Cruzeiro em 2003
“Não o convidamos oficialmente, mas através de amigos em comum, sendo um o próprio Deivid, perguntamos se teria interesse em parte de gestão”, explicou o presidente Sérgio Santos Rodrigues em entrevista ao Superesportes.

“A partir do momento em que estudar as coisas que ele quer, pode ser uma realidade. Fiz questão de deixar as portas abertas para ele. Todo mundo que tem uma história bonita no Cruzeiro merece um espaço dentro de sua competência”, concluiu.