Jovens do Cruzeiro admitem alívio após vaga sofrida na Copa do Brasil

Time mineiro empatou por 2 a 2 com o São Raimundo e agora pega o Boa Esporte

por Agência Futebol Interior

Boa Vista, RR, 13 (AFI) – A vaga conquistada para a próxima fase da Copa do Brasil com o empate por 2 a 2 com o São Raimundo, em Boa Vista, em Roraima, trouxe alívio para os jovens do elenco do Cruzeiro.

A equipe mineira saiu atrás do marcador, conseguiu a virada, cedeu empate, jogou boa parte do segundo tempo com um a menos – Edu foi expulso aos 32 minutos -, mesmo assim conseguiu a classificação.

Autor do segundo gol, o atacante Alexandre Jesus comemorou a vaga, mesmo com a equipe não jogando bem.

Adilson criticou a equipe
Adilson criticou a equipe

"Sabemos da dificuldade que era passar. O jogo foi mais difícil do que a gente imaginou, mas graças a Deus saímos classificados. Temos que comemorar esta vaga. Estamos muito felizes e preparado para a próxima fase”, afirmou ele, que marcou seu primeiro gol como profissional – o outro gol do Cruzeiro foi do volante Edu.

“Estou muito feliz com o meu gol, o meu primeiro como profissional. No lance do gol, pude ser feliz e antecipar ao zagueiro para empurrar para o gol. Mais importante do que o gol, foi a vaga conquistada”.

NÃO GOSTOU
O técnico Adilson Batista falou rapidamente após o jogo. “Foi um jogo para esquecer. Não fomos bem e ainda enfrentamos uma arbitragem e um gramado ruins. Temos que focar nas próximas partidas. Ainda temos muito trabalho e muito que melhorar”, afirmou.

Treinador também minimizou a discussão entre Edilson e Artur no final do jogo.

Na próxima fase, o duelo será contra o Boa Esporte, em partida que será realizada em Varginha. A data ainda não está definida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Depois da vaga, o Cruzeiro volta suas atenções para o Campeonato Mineiro. No domingo, a equipe enfrenta, às 19h, o Patrocinense no estádio Pedro Alves do Nascimento, em Patrocínio.