Fora do time do Cruzeiro há cinco rodadas, Pedro Rocha volta aos treinamentos

O atacante participou dos exercícios juntamente com os atletas que não participaram do empate por 1 a 1 com o Bahia

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 04 - Pedro Rocha foi a novidade no treino do Cruzeiro, nesta segunda-feira à tarde, na Toca da Raposa II. Afastado da equipe há cinco jogos por causa de uma lesão no tornozelo esquerdo, o atacante participou dos exercícios juntamente com os atletas que não participaram do empate por 1 a 1 com o Bahia, domingo, no Mineirão.

Suas chances de ser relacionado para o duelo de quarta-feira, em Curitiba, diante do Athletico-PR, às 21h30, são remotas, pois o jogador não atua com sequência desde setembro. O mais certo é que fique como opção no banco de reservas para o clássico com o Atlético-MG, domingo, novamente no Mineirão.

Fora do time do Cruzeiro há cinco rodadas, Pedro Rocha volta aos treinamentos
Fora do time do Cruzeiro há cinco rodadas, Pedro Rocha volta aos treinamentos
BAIXAS
Uma ausência certa no Paraná será o lateral-direito Orejuela, expulso contra o Bahia. Edilson deve herdar a vaga. Já Fabrício Bruno, que cumpriu suspensão, terá condições de estar na equipe, mas o técnico Abel Braga deve manter a zaga com Léo e Cacá. Dedé continua se recuperando de uma cirurgia no joelho direito por intermédio de sessões de fisioterapia.

Outra baixa certa será o atacante Fred, que cumprirá suspensão após levar o terceiro cartão amarelo no fim de semana. No domingo, o técnico Abel Braga já adiantara que o substituto seria Sassá, reserva que acabou definindo o empate no Mineirão, ao marcar o gol do time cruzeirense.

"É sempre importante estar jogando. Esse ano está sendo muito importante para mim aqui no Cruzeiro pois não tive lesões. Espero que na quarta-feira eu possa entrar, dar o meu melhor, fazer um grande jogo e, quem sabe, por uma pulguinha na orelha do Abel", brincou Sassá, ao se referir à disputa de posição com os titulares do Cruzeiro.

SITUAÇÃO NA TABELA
Com 33 pontos, o Cruzeiro é o 16º colocado no Brasileiro, com dois pontos de vantagem para o Fluminense. Os mineiros poderão ser superados pelos cariocas, caso empatem no Paraná e o tricolor das Laranjeiras vença o São Paulo, no Morumbi, na quinta-feira.