Endividado, time mineiro paga parte dos salários do mês de setembro

A Raposa deixou a zona de rebaixamento, mas segue em crise financeira

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 08 (AFI) - O Cruzeiro está mais tranquilo no Campeonato Brasileiro - o clube deixou a zona de rebaixamento -, mas os bastidores ainda está quente. A diretoria conseguiu quitar parte dos vencimentos de setembro. No entanto, continua sem pagar a outra parte, além dos salários de outubro.

Vale lembrar que o time mineiro só conseguiu quitar as contas de agosto no dia 21 de outubro, com a ajuda do Supermercados BH, patrocinador master da equipe a partir de 2020. A ajuda teria sido de R$ 8 milhões.

Cruzeiro segue com salários atrasados
Cruzeiro segue com salários atrasados
SITUAÇÃO

O Cruzeiro vive um bom momento no Campeonato Brasileiro, sob o comando do técnico Abel Braga. Já são nove jogos sem derrotas, sendo a última, por 1 a 0, diante do Goiás, na 22ª rodada. Os resultados, porém, não foram suficientes para fazer com que o clube distanciasse da zona da degola.

Atualmente a Raposa está na 16ª colocação, com 34 pontos, um a mais do que o Botafogo, que entrou na zona de rebaixamento após perder para o Flamengo, por 1 a 0. O próximo compromisso do clube é neste domingo, às 16h, contra o Atlético Mineiro, no Mineirão.