Cruzeiro busca superar rotina de empates no duelo contra o Athletico-PR

Sob comando de Abel Braga, Raposa perdeu apenas um jogo, diante do Goiás, justamente na estreia

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 06 - O Cruzeiro não perde há oito rodadas do Campeonato Brasileiro e, graças a essa invencibilidade, saiu da zona de rebaixamento da competição.

A situação do time mineiro só não é melhor porque foram muitos os empates, o que impediu uma ascensão maior.

E a equipe espera não ter esse problema na noite desta quarta-feira, quando terá um complicado compromisso contra o Athletico-PR, em Curitiba, às 21h30.

BOA FASE

Desde que chegou ao Cruzeiro, o técnico Abel Braga perdeu apenas um jogo, contra o Goiás, em sua estreia.

Depois disso, acumulou nove partidas sem perder, mas com apenas três vitórias. Por causa dos cinco empates, o time ainda se encontra em posição muito perigosa, com 33 pontos, apenas dois a mais do que o Fluminense, o 17º colocado. Portanto, o Cruzeiro pode voltar à zona de rebaixamento em caso de derrota em Curitiba.

Cruzeiro quer manter sequência positiva em Curitiba - Bruno Haddad / Cruzeiro
Cruzeiro quer manter sequência positiva em Curitiba

REMENDADO

A missão da equipe de Belo Horizonte nesta quarta não será fácil. Além de o Athletico ser muito forte em sua casa, o Cruzeiro estará bastante desfalcado.

O lateral-direito Orejuela e o atacante Fred estão suspensos, enquanto o meia Thiago Neves têm problemas físicos e, por isso, será poupado para o clássico contra o Atlético-MG, no domingo. O mesmo pode ocorrer com o volante Éderson.

Sassá, autor do gol cruzeirense no empate por 1 a 1 com o Bahia, jogará na vaga de Fred. No meio de campo, Robinho vai substituir Thiago Neves e, caso Éderson não jogue, seu lugar será ocupado por Ariel Cabral ou Jadson.

A ausência de Orejuela, por sua vez, abriu espaço para o retorno do veterano Edilson, que pretende mostrar em Curitiba que tem futebol para voltar a ser titular. Ele acredita que a série de jogos sem derrota credencia o Cruzeiro a vencer na Arena da Baixada.

"São vários jogos em que a gente não perde e isso é importantíssimo para enfrentar uma equipe bem estruturada como é a do Athletico, que vem jogando muito bem nesta temporada. Nós estamos numa crescente e temos totais condições de chegar lá, fazer um grande jogo e conseguir a vitória", disse o lateral.

QUEM JOGA?

CRUZEIRO - Fábio; Edilson, Cacá, Fabrício Bruno (Leo) e Dodô; Henrique, Cabral (Jadson), Marquinhos Gabriel, Robinho e David; Sassá. Técnico: Abel Braga.