Crescimento de rivais dá motivação extra ao Cruzeiro, diz Henrique

O técnico Abel Braga fechou a atividade desta segunda, a primeira de preparação para o confronto com o Flu

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 07 - Em situação complicada na tabela, o Cruzeiro tenta se inspirar no crescimento de rivais no Brasileirão para reagir na classificação e escapar da zona de rebaixamento. Pelo menos é o garante o volante Henrique, uma das lideranças do elenco, ao se referir ao Fluminense, próximo adversário do time mineiro, quarta-feira, no Mineirão.

"Nós comentamos e vemos evoluções de outras equipes, não somente do Fluminense, mas também do Goiás, que vem vencendo há quatro jogos. Isso nos dá um gás, uma confiança maior para acreditar nos nossos objetivos. Temos que nos apegar a isso também, ver que os adversários também têm subido em momento de oscilação", declarou o jogador.

Em bom momento, o time goiano soma quatro triunfos consecutivos, ocupa o 10º lugar e já sonha com as primeiras posições, após figurar na parte inferior da tabela. Já o Fluminense emplacou duas vitórias consecutivas para deixar a zona da degola.

Crescimento de rivais dá motivação extra ao Cruzeiro, diz Henrique
Crescimento de rivais dá motivação extra ao Cruzeiro, diz Henrique
Para Henrique, o Cruzeiro precisa da vitória nesta quarta para recuperar a confiança e iniciar uma boa sequência, como fizeram os rivais. "Nós precisamos dessa primeira vitória para que nós também comecemos a crescer, evoluir, e para que assim a gente tire o Cruzeiro dessa situação", afirmou.

Ao mesmo tempo, o volante reconhece a fase difícil da equipe mineira e agradece o apoio da torcida, que compareceu em bom número (22.561) no empate com o Internacional por 1 a 1, na noite de sábado, no Mineirão.

"Sabemos que no momento é difícil pra gente falar para o torcedor ir nos apoiar, porque o reflexo do cenário dificulta que ele vá [ao estádio]. Mas são nestes momentos que o torcedor faz a diferença. Ele sabe que é muito importante. A demonstração maior foi no sábado, em que a torcida apoiou, cantou e incentivou o tempo todo. Nosso torcedor entendeu que a força da arquibancada é muito importante nesse momento", declarou.

TREINO
O técnico Abel Braga fechou a atividade desta segunda, a primeira de preparação para o confronto com o Flu. Pelo que foi possível constatar no período de aquecimento, aberto aos jornalistas, o zagueiro Dedé, o volante Éderson, o meia Rodriguinho e o atacante Pedro Rocha não foram a campo. Fizeram trabalho na parte interna.

Para este importante confronto, direto na briga para escapar do rebaixamento, Abel Braga terá ao menos três baixas certas. O meia Thiago Neves e o zagueiro Cacá vão cumprir suspensão após terem levado o terceiro cartão amarelo no fim de semana. E o lateral-direito Orejuela está integrado à seleção colombiana.