Após três treinos, Ariel Cabral destaca tranquilidade de Rogério Ceni no Cruzeiro

"Ele trouxe muita tranquilidade para o grupo e temos que utilizar isso como motivação", disse o meio-campista

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 15 - Bastaram três treinos de Rogério Ceni no comando do Cruzeiro para que Ariel Cabral já destacasse algumas qualidades do novo treinador. Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, na Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, o volante argentino destacou o estilo tranquilo do novo comandante, que começou o seu trabalho no clube na última terça.

"Rogério Ceni é um grande profissional. Víamos como ele batia faltas e foi um importante jogador, em que certamente poderemos nos inspirar.

Ele trouxe muita tranquilidade para o grupo e temos que utilizar isso como motivação", disse o meio-campista do Cruzeiro, que enfrenta o líder Santos, neste domingo, às 16 horas, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Ele conversa muito conosco. Fala que todo mundo tem que ter vontade de se demonstrar, de treinar e que assim as coisas vão melhorar", afirmou Ariel Cabral, que já prevê um time diferente em campo no próximo compromisso.

"O tempo é muito curto. Estamos trabalhando para fazermos o nosso melhor jogo, como se estivéssemos em uma final, pois precisamos de uma vitória".

RETORNOS

Thiago Neves e Fred, que cumpriram suspensão no final de semana no empate (2 a 2) diante do Avaí, em Santa Catarina, estarão à disposição de Rogério Ceni, mas a tendência é que apenas o meia seja titular, no lugar de Marquinhos Gabriel ou de Robinho.

Sassá, autor de um gol em Florianópolis, deve continuar no ataque.

Um time provável do Cruzeiro para iniciar o duelo contra o Santos pode formar com: Fábio; Orejuela, Dedé, Léo e Egídio (Dodô); Henrique, Ariel Cabral, Robinho (Marquinhos Gabriel) e Thiago Neves; Pedro Rocha e Sassá.

SITUAÇÃO RUIM NA TABELA

O Cruzeiro está na zona de rebaixamento, em 17.º lugar, com apenas 11 pontos. O time não vence desde 11 de julho, quando marcou 3 a 0 no arquirrival Atlético-MG, pelo primeiro jogo das quartas de final da Copa do Brasil. De lá para cá, foram nove jogos.