Após atuação decisiva, David mira 1ª chance no Cruzeiro na Libertadores

O atacante sofreu um pênalti, convertido por Sassá, e marcou o seu gol após uma tabela com Dodô

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 11 - No Cruzeiro desde 2018, David ainda não conseguiu se firmar no clube, muitas vezes atrapalhado por lesões. Mas deu um passo para elevar seu status ao se destacar no triunfo por 2 a 0 sobre o Tombense, domingo, no Mineirão, pela nona rodada do Campeonato Mineiro. O atacante sofreu um pênalti, convertido por Sassá, e marcou o seu gol após uma tabela com Dodô.

A próxima meta de David é receber uma oportunidade na Copa Libertadores. O atacante não foi utilizado pelo time na competição em 2018 e nem na estreia nesta temporada, na semana passada, quando ficou no banco de reservas durante a vitória por 1 a 0 sobre o Huracán, na Argentina. Agora, então, ele sonha em ser aproveitado no duelo de quarta-feira com o Deportivo Lara, no Mineirão.

Após atuação decisiva, David mira 1ª chance no Cruzeiro na Libertadores
Após atuação decisiva, David mira 1ª chance no Cruzeiro na Libertadores

"Tenho uma vontade muito grande de jogar a Libertadores. Não joguei ainda, tive a oportunidade de ir compondo o banco, então a vontade é enorme e estou me preparando cada dia mais.

Esse jogo (contra a Tombense) foi importante para mostrar ao Mano que estou à disposição. Espero que possa ter chances ou quem sabe entrar no decorrer do jogo", afirmou, em entrevista coletiva nesta segunda-feira na Toca da Raposa II.

VOLTOU DE LESÃO VOANDO
O jogo contra o Tombense também foi de retorno para David. Recuperado de um edema na coxa esquerda, o atacante entrou em campo pela terceira vez em 2019, tendo marcado o seu segundo gol na temporada. E ele garante não ter mais qualquer receio de voltar a se contundir.

"Fico feliz, primeiramente pela volta, depois de ficar um tempo parado. Até pelo tempo que fiquei fora me senti muito bem, lógico que com a ajuda do time tivemos uma movimentação muito boa, me senti bastante a vontade, diferente da última vez que retornei de lesão, quando ainda estava com receio, tanto que essa lesão não foi tão séria.

Fiquei pouco tempo e pude voltar rápido e mais confiante. Sem dores, pude fazer um bom jogo. Fico feliz pelo retorno, pela vitória, por poder fazer gol e ajudar os companheiros", declarou.