Copa do Brasil: Mano admite dificuldades e destaca experiência do Cruzeiro

"Temos um bom número de jogadores no elenco que já passaram por situações como essa, que já sabem os caminhos das pedras e do sucesso"

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 20 - O técnico Mano Menezes viu a invencibilidade do Cruzeiro em 2017 cair na noite de quarta-feira, mas ainda assim deixou o Mineirão satisfeito, afinal, o time se classificou às oitavas de final da Copa Brasil mesmo com a derrota por 2 a 1 para o São Paulo, pois havia vencido por 2 a 0 no Morumbi. Foi o que destacou o treinador, reconhecendo as dificuldades enfrentadas pelo time, especialmente no primeiro tempo, mas também lembrando a vantagem conquistada no jogo de ida.

"No primeiro tempo, nos primeiros 30 minutos, não conseguimos encaixar a marcação. Corremos muito, não estava faltando disposição, mas havia um posicionamento diferente. No finalzinho da primeira etapa conseguimos encaixar. No segundo tempo, fizemos uma marcação melhor e o São Paulo já não conseguia criar oportunidades e chegar na frente como no primeiro. Mas, o jogo é 180 minutos, e a equipe foi madura e no segundo tempo conseguiu fazer o gol de empate", avaliou.

EXPERIENTES
Mano também ressaltou a experiência do elenco do Cruzeiro para sustentar a pressão do São Paulo e não se assustar com o risco de ser eliminado, evitando o nervosismo em um confronto que ficou indefinido até o seu final. E até citou a participação de dois importantes reservas - o goleiro Fábio e o zagueiro Dedé - para dar tranquilidade aos companheiros.

"Temos um bom número de jogadores no elenco que já passaram por situações como essa, que já sabem os caminhos das pedras e do sucesso. Temos dois no banco com trajetórias extremamente vencedoras e que temos que elogiar pela participação, que são Dedé e Fábio. Contribuíram muito para esse momento, mesmo não estando dentro do campo. Porque eles vão passando para os outros as experiências que já vivenciaram, dos dois lados. Só vamos conquistar alguma coisa quando tivermos exatamente esse tipo de comportamento e grandeza profissional. Por isso estamos conseguindo dar esse passo além, mesmo em um jogo tão difícil como o de hoje", elogiou.

Mano Menezes destaca experiência do Cruzeiro na Copa do Brasil - Foto: Divulgação/Cruzeiro
Mano Menezes destaca experiência do Cruzeiro na Copa do Brasil
O treinador também defendeu o estilo mais defensivo adotado por ele à frente do Cruzeiro, citando até a italiana Juventus para defender a sua proposta de jogo.

"É uma característica do meu trabalho. Por onde passei, os jogadores se comprometeram com uma ideia de jogar. O que fizemos lá [em São Paulo] foi nada mais do que outras grandes equipes do mundo também fazem. As pessoas acham que isso é menos futebol. Não é menos futebol. Vimos nesta quarta a Juventus também tendo que voltar todo mundo atrás da linha da bola porque tinha feito uma vantagem no primeiro jogo [contra o Barcelona] e sabia que podia levar a classificação. Cada um escolhe seu jeito e eu respeito todos", ressaltou.

Classificado às oitavas de final da Copa do Brasil, o Cruzeiro conhecerá o seu próximo adversário ainda nesta quinta-feira, em sorteio que será realizado na sede da CBF. O próximo compromisso do time será pelo Campeonato Mineiro. Após empatar por 1 a 1 no jogo de ida, o time receberá o América, no Mineirão, no domingo, pelas semifinais.

aaa