Após rebaixamento, presidente do Criciúma recebe apoio da diretoria e segue no cargo

Anselmo Freitas havia colocado o cargo de presidente à disposição do Conselho de Administração após o rebaixamento no estadual

por Agência Futebol Interior

Criciúma, SC, 27 (AFI) - Após o rebaixamento inédito do Criciúma à Série B do Campeonato Catarinense, Anselmo Freitas, presidente do clube, que havia colocado seu cargo à disposição da diretoria foi apoiado pela mesma, além da torcida e de membros do Conselho de Administração e do Conselho Deliberativo, do Tigre.

À DISPOSIÇÃO

Foto: Celso da Luz / Criciúma EC
Foto: Celso da Luz / Criciúma EC
Na entrevista coletiva longo após a queda para a segunda divisão catarinense, a primeira em 43 anos do clube, o presidente fez um pronunciamento em nome do clube, no qual pediu desculpas aos torcedores e se mostrou bastante emocionado.

Segundo ele, o sentimento de vergonha é o que estava prevalecendo naquele momento.

"Não estamos envergonhados, pois fizemos com muita dedicação. Eu perco e sinto de duas formas: como presidente e como grande torcedor que sempre fui. Eu diria que é o dia mais triste da minha vida. Passar por isso não estava em nenhum momento nos meus planos. É um momento de repensar as atitudes. Assumimos o clube no início do ano. Não venho aqui transferir desculpas, pois sabíamos o que a gente iria enfrentar."

"Eu assumi o clube porque o Rampinelli assumiu junto. Olhando para trás, há quatro meses, não tinha ninguém para tocar o clube. Fomos corajosos e corremos o risco pensando em reerguer o Criciúma. Ao Conselho de Administração coloco meu cargo à disposição, pois até aqui fracassamos no futebol", disse o dirigente.

BANCADO

Após o rebaixamento, o diretor de futebol Waldeci Rampinelli, que pediu demissão após a queda, além do gerente de futebol Giuliano Bittencourt e mais os jogadores Léo Campos, Emanuel e Mateus Anderson, que foram dispensados pelo clube, não fazem mais parte do Criciúma para a sequência da temporada. O presidente, porém, foi bancado pela diretoria.

Com o rebaixamento sacramentado, o Criciúma volta a suas atenções para a terceira fase da Copa do Brasil, onde irá encarar a equipe do América-MG e para a preparação para o início do Campeonato Brasileiro da Série C, onde o Tigre irá estrear diante o Ituano, no dia 30 de maio.