Campeão da Libertadores pelo Internacional pode ser o novo técnico do Criciúma

Depois da demissão de Hemerson Maria, o ex-zagueiro Wilson Vaterkemper dirigiu o time no empate deste domingo

por Agência Futebol Interior

Criciúma, SC, 04 (AFI) - Com o empate em Itajaí contra o Marcílio Dias em 1 a 1, o Criciúma continua sem vencer na temporada 2021 e já está há 17 jogos sem saber o que é vitória. Se não ganhar da Ponte Preta, na quinta-feira, pela Copa do Brasil, chegará a 18 jogos sem vencer, fato que nunca aconteceu em toda a sua história.

NOVO TREINADOR
Depois da demissão de Hemerson Maria, o ex-zagueiro Wilson Vaterkemper dirigiu o time no empate deste domingo contra o Marcílio Dias, e também comandará o time contra a Ponte Preta e no próximo domingo, contra o Matropolitano, em confronto direto contra o rebaixamento.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
A imprensa de Criciúma trabalha com dois nomes para assumir o comando do time, já visando a Série C: Mazola Junior, que fez bom trabalho no clube recentemente e Paulo Bauer, atualmente no Próspera e que foi ídolo do Tigre como jogador.

BOM NOME?
Mas a surpresa poderá ser a chegada de Fabian Bolivar, ex-jogador do Internacional-RS e que dirigiu o Vila Nova-GO no último Campeonato Brasileiro da Série C, tendo sido demitido nos últimos jogos da competição nacional.

Bolivar é o preferido do gerente de futebol Giuliano Bittencourt, que vem sendo muito criticado pela montagem errada da equipe, assim como o diretor de futebol Waldecir Rampinelli.O novo treinador do Criciúma deve ser anunciado em breve.