Série C: Com desfalques, Criciúma depende apenas de si para se salvar do rebaixamento

“Precisamos ter uma vitória, mas a vitória se conquista em todo um processo do jogo", declarou o técnico Itamar Schülle

por Agência Futebol Interior

Criciúma, SC, 04 (AFI) - Sem vencer há sete rodadas, o Criciúma-SC chega à 18ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série C lutando contra a zona de rebaixamento. Neste sábado (04), às 17h, encara o Brusque-SC, no Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma (SC), dependendo apenas das próprias forças para se salvar da degola.

Atualmente, Criciúma é oitavo colocado com 18 pontos. Caso vença, não será rebaixado. Em caso de derrota ou empate, terá que contar com um tropeço do São Bento, rival direto contra a queda. Na visão do técnico Itamar Schülle, será preciso equilíbrio para vencer a partida, já que o Brusque tem time bastante competitivo e luta pela classificação.

Foto: Celso da Luz/Criciúma - Foto: Celso da Luz/Criciúma
Foto: Celso da Luz/Criciúma
“Precisamos ter uma vitória, mas a vitória se conquista em todo um processo do jogo. Temos vários exemplos de times que saem atrás e viram o marcador. Já vivi muito isso de encontrar um gol da vitória aos 49 minutos, então tem que ter uma equipe equilibrada o tempo todo. Acredito que será um jogo franco, aberto, mas também um jogo estudado. Eles sabem o adversário que eles têm pela frente. O adversário tem as estratégias deles e nós temos a nossa”, disse o comandante.

Para o duelo, o Criciúma não terá o lateral-esquerdo Caíque, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Já o zagueiro Helder e o volante Marino estão entregues ao Departamento Médico. O primeiro se recupera de lesão e o segundo foi diagnosticado com o novo coronavírus e está em isolamento.

CRICIÚMA
Agenor; Victor Guilherme, Rodrigo Milanez, Fernando Lombardi e Bruno Oliveira; Eduardo, Foguinho, Jean Lucas e Felipe Menezes; Andrew e Edudardo Melo(Michel). Técnico: Itamar Schülle.