Catarinense: Criciúma e Unesc se unem em campanha solidária

A ação, que tem apoio do 28º GAC e da Cruz Vermelha, começa na próxima segunda-feira

por Agência Futebol Interior

Criciúma, SC, 01 - Desde a chegada da pandemia de Covid-19 no Sul de Santa Catarina, muitas ações estão norteando as instituições para diminuir o impacto causado pela pandemia, seja ele social, de saúde ou econômico.

Desta vez, o Criciúma se uniu à Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc) para promover a campanha “Alma, garra e doação”, uma grande arrecadação de cestas básicas, para que neste momento de isolamento social, as famílias menos dotadas de recursos possam ter acesso à alimentação em suas casas, e possam continuar em isolamento, respeitando às orientações das autoridades.

A ação, que tem apoio do 28º GAC e da Cruz Vermelha, começa na próxima segunda-feira. As arrecadações ocorrerão no estacionamento do estádio Heriberto Hülse. O curso de farmácia da Unesc está no processo de produção de frascos de álcool gel e possivelmente, conforme a demanda, irá fornecer aos doadores uma unidade para cada.

“Considerando o momento atual, estamos fazendo jus ao nosso papel comunitário, como maior instituição do Sul Catarinense e fomos buscar outra grande instituição comunitária para a ação, que é a Unesc. É hora de unir forças e não medir esforços”, destaca o presidente Jaime Dal Farra.

As pessoas que fizerem doações participação de sorteio a diversos brindes oficiais do Criciúma, incluindo camisas oficiais de jogo. O clube já colocou à disposição da prefeitura de Criciúma o Centro de Treinamento Antenor Angeloni, além de realizar a doação de mais de 5 mil litros de álcool para as prefeituras de Criciúma e Siderópolis, ação também realizada pela universidade, que continua com a produção do líquido para distribuição à famílias carentes da região.

“Esta será mais uma ação do Criciúma Esporte Clube no intuito de cumprir seu papel social neste momento de grande dor e crise, que tende a ficar cada dia pior se não fizermos cada um à sua parte”, complementa o diretor de Operações Comerciais e Marketing, Julio Remor.

Já a Unesc, desde o decreto de isolamento, vem desenvolvendo ações junto à comunidade como fabricação de máscaras para agentes de saúde. Também disponibilizou o serviço de teletriagem referenciada, um sistema de atendimento médico via WhatsApp para evitar o acumulo de pessoas nos postos de atendimento, distribuição de álcool gel, vacinação contra a H1N1 em drive thru, atendimento psicológico por telefone, entre outras ações.

APOIO
O clube necessita de voluntários para ajudar na divulgação do projeto, na arrecadação das cestas básicas, no armazenamento e na destinação. Todo o material entregue será entregue à Cruz Vermelha é à equipe multi-institucional para distribuição conforme cadastro já pré-existente. Informações de como ajudar, doar e divulgar, serão divulgadas em breve.

CONTATO
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (48) 3046-7550 ou pelo WhatsApp (48) 9134-1449. O atendimento inicia na segunda-feira.