Catarinense: Xerifão recebe proposta do Japão e deixa o Criciúma

Sandro havia renovado recentemente seu contrato com o Tigre, mas teve a multa paga

por Agência Futebol Interior

Criciúma, SC, 15 (AFI) - O Criciúma sofreu uma baixa importante antes mesmo de fazer sua primeira partida oficial em 2020. Um dos líderes do elenco, o zagueiro Sandro se transferiu para o futebol japonês.

Sandro se transferiu para o futebol japonês (Foto: Fernando Ribeiro/Criciúma)
Sandro se transferiu para o futebol japonês (Foto: Fernando Ribeiro/Criciúma)
Nesta quarta-feira, o diretor de futebol Evandro Guimarães comunicou a saída de Sandro. O clube, que não teve o nome revelado, mas está na Segunda Divisão do Japão, pagou a multa rescisória.

"Vim comunicar a nossa primeira perda. Foi algo que nos pegou de surpresa, é um atleta que é a cara do Criciúma, o nosso exemplo. Um profissional da maior qualidade, mas não conseguimos mantê-lo", lamentou o dirigente.

No Criciúma desde 2018, Sandro tem 31 anos e havia renovado recentemente o contrato para a temporada 2020. Ao todo, o defensor disputou 84 jogos e marcou dez gols.

A estreia tricolor no Campeonato Catarinense será na próxima quarta-feira, contra o Concórida, no Heriberto Hülse.