Série B: Prata da casa revela clima de velório no Criciúma após rebaixamento

Andrew foi o primeiro a falar com a imprensa depois do Tigre cair matematicamente para a Série C

por Agência Futebol Interior

Criciúma, SC, 25 (AFI) - A expectativa era que o presidente Jaime Dal Farra concedesse entrevista nesta segunda-feira para falar sobre o rebaixamento do Criciúma no Campeonato Brasileiro da Série B. Mas isso não aconteceu e sobrou para o prata da casa Andrew, de 23 anos, encarar a imprensa.

O atacante revelou o clima de velório na reapresentação do elenco no último sábado, um dia depois do empate do Figueirense com o CRB, em Maceió. O resultado sacramentou a querda para a Série C.

Andrew não escondeu a tristeza pelo rebaixamento (Foto: Caio Marcelo/Criciúma)
Andrew não escondeu a tristeza pelo rebaixamento (Foto: Caio Marcelo/Criciúma)

"Foi um clima de velório, todo mundo de cabeça baixa, porque acabou o pouco de esperança que a gente tinha. Todo mundo lutou, mas infelizmente não conseguimos manter o Criciúma na Série B", disse Andrew.

Na penúltima colocação, com 36 pontos, o time catarinense enfrenta o Oeste, no próximo sábado, em Barueri, pela última rodada. O atacante espera que o Criciúma termine sua participação com vitória.

"A gente tem sempre que jogar com garra, porque estamos vestindo a camisa do Criciúma. Quem for o escolhido, vai entrar em busca da vitória, independente se está valendo alguma coisa ou não", afirmou o atacante.