Friburguense 3 x 1 Crac - Gol fora de casa garante acesso do Leão do Sul

Apesar da derrota, Crac é o primeiro time a garantir o acesso à série C

por Agência Futebol Interior

Nova Friburgo, RJ, 22 (AFI) - A equipe do Crac conquistou o acesso inédito à série C graças a um gol marcado na derrota por 3 a 1, nesse sábado, no Estádio Eduardo Guinle contra o Friburguense, pelas quartas de final do Campeonato Brasileiro Série D. Como a equipe goiana tinha ganhado o jogo de ida por 2 a 0, se classificou para a semi-final.

Agora, o Crac espera pelo vencedor da partida entre Mogi Mirim e Cianorte para saber quem será o seu adversário na próxima fase, mas a torcida e o grupo de jogadores já comemora o acesso inédito à série C do Brasileirão.

Começo avassalador
O Friburguense começou a partida disposto a pressionar o adversário e conseguir os três gols necessários para se classificar e, logo no início, esse ímpeto do time da casa surtiu efeito. O lateral Sergio Gomes, na sua primeira descida, não desperdiçou e colocou seu time na frente no placar. Eram apensas dois minutos de jogo disputados e o Frizão já estava na frente.

A pressão dos mandantes continuou e o Crac estava completamente perdido em campo. Aos 12 minutos, Marcelo bateu um escanteio na cabeça de Lucas e o volante, totalmente desmarcado, completou para o fundo do gol, acabando com a vantagem de dois gols do time goiano.

E o Frizão estava impossível. Apenas sete minutos depois do segundo gol, o time fluminense teve mais um escanteio e, dessa vez, foi o camisa 10 Romulo que completou. Era o terceiro gol em menos de vinte minutos e o Friburguense alcançava rapidamente o resultado que garantia sua classificação e acesso à série C.

O terceiro gol tirava o sonho do acesso inédito do Crac e isso acordou a equipe goiana. O Leão do Sul deixou a postura defensiva e foi para o ataque e, em pouco tempo, o volante Dinei teve a oportunidade que seu time procurava. Dinei não perdoou e tirou do goleiro Marcos. Era o primeiro gol do Crac, que mesmo perdendo por 3 a 1, estava se classificando com esse resultado devido ao gol marcado fora de casa.

Crac segura o Frizão
O segundo tempo começou, assim como o primeiro, com o Frizão precisando marcar e o Crac se defendendo. Aos poucos, o time da casa foi tomando conta da partida, mas ainda não exercia a mesma pressão do início do jogo. As melhores chances do Friburguense continuavam sendo nas bolas pelo alto, por isso, o time do técnico Gerson Andreotti abusava dos levantamentos para a área.

O time goiano valorizava cada segundo, esperando o tempo correr para poder comemorar a classificação e essa atitude irritou muito a torcida fluminense que protestava contra a cera dos jogadores do Leão do Sul.

Essa postura do Crac não só irritava a torcida, mas também deixava o time do Friburguense com pressa e, assim, era mais difícil articular jogadas de perigo. Com isso, o time da casa passou a errar muito e os visitantes se aproveitaram da situação e esperavam o apito final para poder comemorar a classificação à semi-final e o acesso à série C.

Ficha Técnica

Fase
Quartas de final
Rodada
2ª rodada
Data
22/09/2012
Horário
19h30
Local
Estádio Eduardo Guinle, em - Nova Friburgo (RJ)
Árbitro
Marcos Andre Gomes da Penha (ES)

Renda
Não divulgada
Assistentes
Pablo Costa (MG) e Pedro Cotta (MG)

Público
1174 Pessoas
Friburguense-RJ
Marcos;
Sergio Gomes, Diego Guerra, Cadão e Flavinho;
Gleison, Lucas, Marcelo (Vitor Hugo),e Romulo;
Douglas (Ellan) e Ziquinha.
Técnico: Gerson Andreotti
Crac-GO
Donizete;
Guerra, Fábio, Emerson e Amarildo;
Wellington Leão (Jeferson), Mário César, Zé Neto e Juninho Paraíba (Thiago Sala);
Dinei (Pedrinho) e Nino Guerreiro.
Técnico: Zé Roberto