Coritiba apresenta ex-diretor da 'Era Parmalat' do Palmeiras: 'Projeto inovador'

'Em tantas passagens que eu tive no esporte, eu nunca vi no futebol uma coisa tão legal quanto esse projeto'

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 07 (AFI) - Em situação cada vez mais delicada no Campeonato Brasileiro, o Coritiba está promovendo mudanças drásticas no departamento futebol para evitar o rebaixamento. Depois de anunciar o técnico paraguaio Gustavo Morínigo, vice-campeão da Copa Libertadores, em 2014, foi a vez de apresentar um novo diretor executivo. Nada menos do que José Carlos Brunoro, 70 anos, que foi diretor de futebol da 'Era Parmalat' do Palmeiras, entre 1992 e 1996.

O Coritiba afirmou que o profissional chega com a função de reger a estrutura operacional. Ou seja, todas as coordenadorias, incluindo a de futebol, serão subordinadas a ele.

CONHEÇA O NOVO TÉCNICO DO COXA

Espaço incorporado por HTML (embed)

MUDANÇAS

Em sua apresentação, Brunoro afirmou que tem a intenção de formar um grupo de trabalho para não centralizar as decisões do futebol em apenas um diretor de futebol. A medida, porém, ainda precisará ser analisada tendo em vista o orçamento do clube.

"Esse organograma muda um pouco o que geralmente era centralizador. Não vai ter um diretor de futebol e sim um grupo de trabalho para se interligar. Vai ser muito melhor para não cometer tantos erros. Ainda vamos ter uma filtragem do G-6 para ver se aprovam e se cabe no orçamento", explicou.

CONTRATAÇÕES E CATEGORIAS DE BASE

Com o grupo formado, também será alterado a forma de se fazer contratações. O técnico não terá papel central nos novos reforços.

Claro, o comandante poderá indicar nomes, mas que precisarão ser aprovados pelo grupo responsável.

Outro ponto muito salientado por Brunoro foi as categorias de base, pois a ideia é montar um elenco jovem e promissor.

"Temos que ter esse tipo de critério para contratar pontualmente. A base será reformulada. É preciso trazer jogadores desde a base que se incorpore com nosso modelo", afirmou.

“O projeto é altamente motivador. Em tantas passagens que eu tive no esporte, eu nunca vi no futebol uma coisa tão legal quanto esse projeto. Estou muito motivado, acho que esse projeto é inovador, não só para o Coritiba como para o futebol brasileiro”, elogiou.


VÍDEO: Apesar da derrota, Júlio Sérgio vê mudança de atitude dos jogadores do Coritiba:

Espaço incorporado por HTML (embed)


CARREIRA

Seu destaque foi no Palmeiras, na 'Era Parmalat', em que o clube paulista montou um dos melhores times de sua história. Como diretor de futebol, ajudou montar um elenco recheado de estrelas, como Rivaldo, Roberto Carlos, Edmundo, entre tantos outros. Também ajudou a fundar o Osasco Audax, mas saiu do projeto após dez anos para ser CEO do Palmeiras, em 2013.

Em 2020, foi consultor de planejamento e estratégia do Cruzeiro. Também prestou consultoria para a Ponte Preta, em 2009.

BRASILEIRÃO

Com 21 pontos, o Coritiba está na 20ª e última colocação, contra 28 do Bahia, primeiro fora do Z4. Os dois próximos jogos são muito importantes, pois tem o clássico com o Athletico no sábado, e depois um confronto direto com o Vasco. Depois, porém, enfrenta três times da parte de cima da tabela: Fluminense, São Paulo e Grêmio.