Série B: Jorginho justifica artilheiro no banco do Coritiba: 'Não tem absoluto'

Autor de 11 gols e capitão do Coxa, Rodrigão não foi titular na vitória por 1 a 0 sobre o Guarani

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 09 (AFI) - Não há titular absoluto no Coritiba, é o que afirma e prova o técnico Jorginho. Nem mesmo o goleador e capitão do time tem vaga garantida no time coxa-branca. Esse é o caso de Rodrigão, que é vice-artilheiro da Série B, com 11 gols, e não começou jogando na vitória por 1 a 0 sobre o Guarani, na última terça-feira.

“Não quero ninguém se achando que é o absoluto. Aqui não tem ninguém absoluto, precisa lutar o tempo todo e não pode achar que está na zona de conforto. O Rodrigão é o artilheiro, capitão da equipe e falei para todos eles que não quero ninguém na zona de conforto”, explicou Jorginho.

Foto: Divulgação / Coritiba
Foto: Divulgação / Coritiba
“Falei para ele que poderia ficar chateado comigo, mas para que desejasse boa sorte para o menino que vai entrar. Que fosse dar um abraço nele. Na Série B, ninguém pode estar na zona de conforto”, completou.

Com o triunfo sobre o Guarani, o Coritiba chegou aos 40 pontos e subiu para a sexta colocação. Agora, a distância para o América Mineira, último time dentro da zona de acesso, é de apenas um ponto. O Coxa volta a campo neste sábado, mais uma vez no Couto Pereira, onde recebe o Criciúma, a partir das 16h30.