Série B: Na mira do futebol japonês, ídolo despista sobre futuro no Coritiba

Wilson disse não ter recebido proposta do Kashiwa Reysol e se mostrou focado no Coxa

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 12 (AFI) - Nos últimos dias, surgiram rumores de que Wilson poderia trocar o Coritiba pelo Kashiwa Reysol-JAP durante a pausa do Campeonato Brasileiro da Série B para a Copa América.

Autor do gol que garantiu a vitória sobre o Guarani, por 1 a 0, em Campinas, na última terça-feira, Wilson foi questionado sobre o assunto logo após a partida e desconversou. O capitão tem contrato com o Coritiba até o fim de 2020.

O goleiro Wilson disse que não está sabendo de nenhuma proposta do futebol japonês
O goleiro Wilson disse que não está sabendo de nenhuma proposta do futebol japonês
"Em relação a isso realmente não sei de nada. Sempre aparece alguma coisa, fico feliz, mas não sei de nada dessa situação envolvendo o Japão. Muitas coisas podem aparecer nessa parada, mas, como sempre falei, tenho contrato e enquanto estiver aqui vou procurar fazer o meu melhor", comentou o goleiro.

A diretoria coxa-branca deixou claro também que não tem interesse em liberar Wilson. No clube desde 2015, o goleiro é o líder do elenco e um dos ídolos da torcida. Neste período, foram 208 partidas realizadas e dez gols marcados.

Além de Wilson, o elenco do técnico Umberto Louzer tem outros dois goleiros: Alex Muralha e Rafael Martins.