Longe do ideal, Mancini promete 'intimidar' Corinthians para duelo com o Flamengo

O novo técnico corintiano não quis adiantar se Walter vai seguir como titular no gol

por Agência Estado

São Paulo, SP, 15 - A vitória sobre o Athletico-PR, em Curitiba, não deixou o técnico Vagner Mancini satisfeito. Em seu jogo de estreia no comando da equipe, o treinador observou que a produção está longe do ideal e prometeu 'intimidar' o grupo para o importante duelo de domingo, às 16 horas, na Neo Química Arena, diante do Flamengo, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

MANCINI DESCONVERSA SOBRE WALTER OU CÁSSIO

"Foi o primeiro jogo, serve como laboratório, análise. Para ver o que tem que ser consertado. Uma vitória que nos traz paz, foi extremamente comemorada. Mas agora teremos jogo de gigantes e o Corinthians nestes momentos tende a crescer.

Vou intimidar meus atletas para que eles possam melhorar em todos os sentidos: aspectos emocional, parte tática, técnica e física. No emocional talvez a gente consiga tirar algo extra. Jogo duríssimo para medir em que estágio estamos no campeonato", disse Mancini, após dois dias de convívio com os atletas.

"Tem muita coisa a ser feita. A cara do Corinthians tem que ser mudada, não está bom ainda. Foi muito importante a vitória. Vindo vitória, você consegue elaborar mudanças de forma mais rápidas. Derrota você sofre, abala o emocional.

Importante que o otimismo volte e a capacidade de realizar seja a melhor possível", completou Mancini, após a vitória conseguida com um gol de Everaldo, aos 49 minutos do segundo tempo.

Mancini fez o Corinthians voltar a vencer
Mancini fez o Corinthians voltar a vencer

DÚVIDAS...
O novo técnico corintiano não quis adiantar se Walter vai seguir como titular no gol, após a grande atuação em Curitiba, ou se Cássio retorna, depois de cumprir suspensão.

"Walter fez um belo jogo. Foi o melhor em campo disparado, na minha opinião. Liderança, boas defesas. É tudo muito cedo. Tudo muito novo. Temos que analisar todas as possibilidades. Cássio é um grande goleiro. Temos dois ou até quatro bons goleiros, quando for necessária a troca, vamos ter. Mostra qualidade do elenco."

Com os três pontos na Arena da Baixada, o Corinthians alcançou os 18 e é 14º colocado na tabela de classificação do Brasileirão, com quatro vitórias, seis empates e seis derrotas. O ataque fez 18 gols, mas a defesa foi vazada 20 vezes.