Sem Tiago Nunes, Corinthians tenta encontrar rumo contra o Fluminense

Após a demissão do treinador, Dyego Coelho será o comandante do Timão

por Agência Estado

São Paulo, SP, 13 (AFI) - O Corinthians encara o Fluminense neste domingo, às 16h, para tentar espantar a crise que se instalou no clube após a derrota no clássico para o Palmeiras. O tropeço em casa foi determinante para a saída do técnico Tiago Nunes e deixou a equipe a um ponto da zona de rebaixamento.

Dyego Coelho, atual técnico do time sub-20, assume o comando interinamente enquanto a diretoria busca um novo treinador - Sylvinho, Abel Braga e Dorival Junior são algumas das opções disponíveis no mercado.

A efetivação de Coelho também não está descartada. Será a segunda oportunidade dele no profissional. No ano passado, ele era auxiliar e assumiu a equipe na reta final do Brasileirão após a saída de Fábio Carille. Foram oito jogos no comando interino, com três vitórias, dois empates e três derrotas, resultados que garantiram vaga na Copa Libertadores.

A missão agora será tão ou mais complicada do que a anterior. Coelho comandará um time sem padrão tático, desmotivado e repleto de desfalques. Para encarar o Fluminense, ele não contará com o lateral-direito Fagner e nem o zagueiro Danilo Avelar, ambos suspensos por expulsão no clássico. Devem entrar Michel Macedo e Bruno Méndez. Luan e o Mauro Boselli também estão fora, ambos por lesão.