Cássio desabafa após ameaças: 'Não tenho que provar mais nada para ninguém'

Dois dias após agressões no aeroporto, Cássio criticou o episódio e disse que não tem que "provar mais nada para ninguém".

por Agência Estado

Cássio desde 2012 no Timão
Cássio desde 2012 no Timão
São Paulo, SP, 17 (AFI) - O goleiro Cássio desabafou sobre as ameaças que o elenco do Corinthians recebeu de torcedores no último domingo, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, na volta a São Paulo depois da derrota por 2 a 1 para o Fluminense.

Nesta quarta-feira, após a vitória por 3 a 2 em cima do Bahia, Cássio criticou o episódio e disse que não tem que "provar mais nada para ninguém".

FIQUEI CHATEADO

"Vou ser bem honesto: fiquei bem chateado com tudo que aconteceu. Mas sou um servo de Deus. Foi difícil, tive muita sabedoria, agradeço a todo mundo que me ajudou. Nesse momento que você vê o quanto é querido.

Não tenho que provar mais nada para ninguém, é só pegar meus números e ver tudo que eu já fiz. Vou fazer de tudo para ajudar o Corinthians. Não é só porque foram lá. É um episódio que espero que não aconteça nunca mais aqui nem em outros clubes, isso já deu. É passado, já saiu da minha cabeça, é pensar no presente", afirmou o goleiro.

Roni festeja seu 1.º gol e Corinthians vence 1ª na Neo Quimica. Foto: Rodrigo Coca
Roni festeja seu 1.º gol e Corinthians vence 1ª na Neo Quimica. Foto: Rodrigo Coca
NOVE TíTULOS DESDE 2012
Cássio está no Corinthians desde 2012 e já conquistou nove títulos pelo clube, tendo sido um dos heróis da conquista da Copa Libertadores da América e do Mundial em 2012. Ele foi um dos mais cobrados pelos torcedores no protesto do último domingo.

Nesta quarta, com os 3 a 2 sobre o Bahia, o Corinthians chegou a 12 pontos e pulou para 11º lugar na tabela do Campeonato Brasileiro.

"Uma vitória que precisávamos muito. Saímos felizes e alegres. Obrigado a todos que me apoiam nos momentos bons e ruins. Sou ser humano, erro e acerto. Obrigado de coração", disse Cássio.

O jogo entre Corinthians e Bahia foi adiantado da 12ª rodada do Brasileirão, que terá a maioria dos duelos realizados no fim de semana. O Corinthians volta a jogar na próxima quarta-feira, contra o Sport, na Ilha do Retiro.