Luan comemora gol de falta à la Marcelinho: 'Pude relembrar um pouquinho'

O estreante marcou dois gols e foi eleito o melhor em campo na vitória por 2 a 1 sobre o New York City

por Agência Estado

Campinas, SP, 15 (AFI) - Luan estreou pelo Corinthians com dois gols e comandou a vitória sobre o New York City por 2 a 1 nesta quarta-feira, em Orlando, nos Estados Unidos, pela Florida Cup. O novo camisa 7 do time alvinegro abriu o placar de falta e recebeu das mãos de Marcelinho Carioca o troféu de melhor jogador da partida.

"É um privilégio receber o prêmio das mãos deste grande ídolo. É só o começo. Espero estar cada dia melhor", disse o atacante. "Tinha brincado com ele (Marcelinho) sobre a responsabilidade de vestir esse número. Ele brincou que especialidade era a falta e hoje pude relembrar um pouquinho. Mas o principal hoje é retomar o ritmo. Estava dois meses e meio parado. Estou me sentindo muito bem e espero ajudar o Corinthians", complementou.

Luan recebeu o prêmio de melhor em campo das mãos de Marcelinho Carioca
Luan recebeu o prêmio de melhor em campo das mãos de Marcelinho Carioca
O técnico Tiago Nunes levou a campo os titulares somente no primeiro tempo. Recuperado de uma luxação no polegar esquerdo, Cássio atuou nos 45 minutos iniciais e não precisou fazer nenhuma defesa. A novidade é que o titular da meta atuou mais com os pés, que é uma proposta do novo treinador, de a equipe sair tocando a bola desde o campo de defesa.

"Temos que treinar e sempre pensar em evoluir. A ideia de trabalho é muito boa. Estamos crescendo, evoluindo. Acho que é dia a dia. Temos quase duas semanas de trabalho, mas a perspectiva é muito boa", disse o treinador.

O Corinthians volta a campo no sábado quando enfrentará o Atlético Nacional, da Colômbia, no segundo e último jogo pela Florida Cup. A tendência é que Tiago Nunes repita o que aconteceu na estreia, com os titulares em campo apenas em metade da partida.

Mercado da Bola
Corinthians-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Cássio, Walter, Caique e Filipe

  • Laterais

    Fagner, Danilo Avelar, Carlos Augusto, Lucas Piton e Michel

  • Zagueiros

    Gil, Léo Santos, Bruno Méndez e Marllon

  • Volantes

    Ramiro, Gabriel, Ralf, Renê Junior, Victor Cantillo e Matheus Jesus

  • Meias

    Sornoza, Jadson, Pedrinho, Matheus Vital e Régis

  • Atacantes

    Boselli, Vagner Love, Clayson, Janderson, Gustavo e Luan

  • Técnico

    Tiago Nunes