Duílio nega saída de Henrique do Corinthians para o exterior: 'Foi só sondagem'

Cartola alvinegro garantiu permanência do zagueiro, reserva de Fábio Carille após contratação de Gil

por Agência Estado

São Paulo, SP, 08 - O diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, negou que o zagueiro Henrique esteja de saída do clube. O jogador, segundo ele, foi apenas sondado por um time do futebol árabe e não há nada de concreto na negociação.

"Não dá para falar em cima de hipóteses. Foi só uma sondagem. Ele foi importante para nós, fez grandes jogos, tem 32 anos. Se concretizar, a gente conversa com ele. Não como ganhou tanta proporção. Não dá para especular. Ele como outros atletas tiveram sondagens e se falar em cima disso fica uma confusão muito grande", disse o dirigente.

Henrique perdeu a posição de titular após a chegada de Gil. O jogador estaria na mira do Al-Ittihad Kalba, dos Emirados Árabes. Sem ele, o time paulista contaria com Bruno Méndez e Léo Santos como opções para a reserva.

Diretor de futebol adjunto corintiano assegurou permanência do zagueiro Henrique - Daniel Augusto Júnior / Ag. Corinthians
Diretor de futebol adjunto corintiano assegurou permanência do zagueiro Henrique

DE PARABÉNS!

Duílio elogiou a postura do argentino Mauro Boselli, que garantiu a permanência. O argentino foi titular na vitória por 2 a 0 sobre o Goiás e marcou o segundo gol, de pênalti, no final da partida.

"Foram sondagens do México que recebemos. Escutamos também pela imprensa o interesse do Boca Juniors, mas também nada concreto. Ele está satisfeito aqui, quer jogar. Claro que ninguém gosta de ficar na reserva. Mas não tem nada além disso. Ele fez um bom jogo".

FAZER DINHEIRO

O Corinthians estipulou no início do ano que precisa arrecadar R$ 44 milhões com a venda de jogadores neste ano para fechar no azul. O dirigente disse que não há preocupação da diretoria no momento em negociar algum atleta.

"O Corinthians não está preocupado em fazer caixa. Queremos um time forte para brigar nos dois campeonatos que estamos disputando. O orçamento prevê entrada de recurso, mas tem tempo para conseguir isso", encerrou.