Carille bate-boca com jornalista por causa de espião: 'Se equivocam demais'

O treinador pareceu irritado apesar da classificação do Corinthians nos pênaltis

por Agência Estado

São Paulo, SP, 08 - A relação de Fábio Carille com a imprensa piorou ainda mais após a classificação do Corinthians sobre o Santos no Pacaembu para a final do Campeonato Paulista com uma vitória nos pênaltis após derrota por 1 a 0. Na entrevista coletiva após o clássico desta segunda-feira, ao ser questionado sobre supostos espiões que foram ao CT Joaquim Grava - razão alegada para fechar os últimos treinos do time - , ele perdeu de vez a paciência.

"Que bom você ter levantado isso. Eu ganho um jogo de 1 a 0 na arena de jogada de bola parada que eu treinei. E o técnico adversário, meu amigo, fala: é fogo perder uma bola parada que eu sabia. Quando chamei de mentirosa a imprensa, eu estava na Venezuela. Quando falei isso, disseram que eu estava acertado com o Al-Hilal para ganhar um milhão por mês com o Rodriguinho também acertado", comentou Carille, também relembrando o episódio da sua saída do Corinthians em 2018.

"Quem falou (sobre o espião)? Uma fonte. É difícil. A gente já vive em um país cheio de problema e de mentira. Eu acertei com o Al-Wheda. Está incomodado? (questionou ao repórter)", acrescentou o treinador.

CONTINUOU...
A discussão continuou. Os assessores de imprensa do Corinthians tentaram interceder, mas Carille prosseguiu em seu desabafo.

Carille discutiu com um jornalista
Carille discutiu com um jornalista

"Eu tomei uma pressão no posto de gasolina de um torcedor pois a imprensa falou que eu barrei a chegada do Drogba. Se equivocam demais, talvez a carapuça tenha servido a você", afirmou, apontando supostos erros da imprensa.

Em relação ao jogo, Carille reconheceu que o time foi mal contra o Santos. "Os jogadores sem bola se dedicaram demais. Cumpriram muito função. O ponto alto é a concentração. Mas com a bola não funcionou, mas sem bola funcionou bastante. Agora a partir de quarta-feira vamos pensar no São Paulo", finalizou.

Classificado à final do Paulistão, o Corinthians terá pela frente o São Paulo. Os jogos serão disputados no Morumbi e em Itaquera, provavelmente nos próximos dois domingos.