Com semana livre, Corinthians espera recuperar Jadson e Douglas para o clássico

Dupla desfalcou a equipe na derrota por 1 a 0 para o Botafogo no último domingo, também pelo Brasileirão

por Agência Estado

São Paulo, SP, 05 (AFI) - O Corinthians tem a semana inteira livre para treinar de olho no clássico contra o São Paulo, sábado, na Arena, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Esse tempo entre um jogo e outro será importante para o time conseguir recuperar o meia Jadson e o volante Douglas.

Os dois desfalcaram a equipe na derrota por 1 a 0 para o Botafogo no último domingo, também pelo Brasileirão. O que mais preocupa é Jadson, de 35 anos. O jogador está com um edema na panturrilha direita.

Aparentemente, o problema sofrido há duas semanas era simples. A expectativa do departamento médico logo após diagnosticar o problema era de que o jogador ficaria de fora do jogo contra o Bahia e estaria apto para encarar o Botafogo.

No entanto, o meia voltou a sentir o incômodo no início da preparação física, na semana passada. Ele ficou de fora de todos os treinos com bola e nem foi relacionado para o duelo no Engenhão.

Foto: Daniel Augusto Jr / Ag Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr / Ag Corinthians
FOLGA
O elenco do Corinthians folga nesta segunda-feira e Jadson deve realizar novos testes na terça-feira. A situação preocupa porque nenhum dos dois jogadores escalados para o seu lugar rendeu o esperado. Contra o Bahia, Jair Ventura optou por Pedrinho. Na última rodada, o chileno Ángelo Araos recebeu a missão de armar as jogadas.

A situação de Douglas é mais tranquila. O jogador levou uma pancada na coxa no treino de sábado, na véspera do mais recente confronto, e foi poupado para evitar que o problema se agravasse. No entanto, não deve ser problema para o clássico.

"Temos que recuperar jogadores importantes, como Jadson e o Douglas. O Douglas, treinei a semana inteira com ele e, no último lance do treino (de sábado), ele tomou um tostão e acabou ficando fora do jogo. É recuperar nossos guerreiros para a gente fazer um grande clássico e vencer diante da nossa torcida", disse Jair.

 
 
" />