No primeiro treino no Corinthians, Jair Ventura mantém base titular de Loss

O técnico fez poucas alterações na equipe e as novidades devem ser apenas no quesito tático

por Agência Estado

São Paulo, SP, 7 - No primeiro treino como técnico do Corinthians, Jair Ventura indicou que vai escalar os titulares no clássico de domingo diante do Palmeiras, no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro. O treinador fez poucas alterações no time que vinha sendo utilizado por Osmar Loss.

O novo treinador, que terá contrato até dezembro de 2019, reuniu um grupo para uma conversa diante de um painel tático. E se ele for escalado, o Corinthians vai jogar com: Cássio; Mantuan, Léo Santos, Henrique e Douglas; Gabriel e Ralf; Romero, Jadson e Pedrinho; Roger.

De olho no clássico de domingo, o novo treinador já comandou exercícios com bola. Enquanto o rival projeta escalar um time misto, Jair deve usar seus titulares para o jogo do Campeonato Brasileiro, embora na quarta-feira o Corinthians vá enfrentar o Flamengo, pelas semifinais da Copa do Brasil.

Treinador, ao centro, foi apresentado pelo Corinthians nessa tarde (foto: Divulgação/ Corinthians)
Treinador, ao centro, foi apresentado pelo Corinthians nessa tarde (foto: Divulgação/ Corinthians)

A principal mudança na primeira escalação foi feita em razões médicas: Danilo Avelar faz trabalhos específicos na parte interna do CT Joaquim Grava e não treinou. Com isso, Douglas foi escalado na lateral esquerda e a dupla de volantes acabou sendo formada por Gabriel e Ralf. Se Douglas treinar neste sábado, Gabriel e Ralf disputam uma vaga na proteção à zaga.

Jair projetou uma mudança no posicionamento dos atacantes. Romero joga pela direita e Pedrinho pela esquerda, invertendo a posição dos últimos jogos. Clayson participou da conversa com os titulares e ficou à beira do gramado. Depois de cumprir suspensão, ele pode substituir Pedrinho, sem alterar a característica da equipe, ou Roger - nesse caso, Romero faria a função de camisa 9.

Alguns jogadores receberam atenção especial do novo treinador. Um deles foi o atacante Roger, que viveu uma das melhores fases de sua carreira atuando com o próprio treinador no Botafogo em 2016. Ele deverá ser mantido entre os titulares. No final da atividade, Jair conversou com os zagueiros Henrique, Marllon e Vilson e também teve um longo papo com Osmar Loss, que foi cumprimentado por alguns jogadores antes de uma reunião do novo treinador com o elenco.

 
 
" />