Paulistão: Sem espaço, Maycon deve trocar o Corinthians pelo Shakhtar Donetsk

Meio-campista foi titular em quase todo o ano de 2017. Neste ano, não vinha sendo utilizado e deve ser negociado

por Agência Estado

São Paulo, SP, 07 - O Corinthians está próximo de acertar a venda do volante Maycon ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, por 6 milhões de euros (R$ 24 milhões). A negociação caminhava sob a gestão de Roberto de Andrade e avançou com a chegada de Andrés Sanchez. Já existe um acordo verbal e resta apenas que os ucranianos oficializem a proposta para que a venda aconteça. Tudo deve ser sacramentado até o começo da semana que vem.

O clube paulista detém 80% dos direitos econômicos do atleta e ficará com cerca de R$ 19,2 milhões da negociação. Os outros 20% pertencem ao empresário Fernando Garcia.

Maycon foi peça fundamental na conquista do Brasileirão de 2017. (Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians)
Maycon foi peça fundamental na conquista do Brasileirão de 2017. (Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians)
PERTO DO ADEUS
Maycon, de 20 anos, foi titular na maior parte da temporada passada e neste ano perdeu espaço com a mudança do esquema tático de Fábio Carille. O Corinthians ainda contratou Renê Júnior para sua posição e no fim do ano passado, o jovem corintiano já havia dito, em entrevista ao Estado, que poderia deixar o clube por ter sondagens de clubes europeus.

Confirmando a saída, Maycon será o terceiro atleta campeão brasileiro a deixar o clube. Anteriormente, o Corinthians negociou o lateral-esquerdo Guilherme Arana, com o Sevilla, e o atacante Jô, com o Nagoya Grampus. A venda do volante ajudará o clube na busca por um centroavante.

 
 
" />