Bélgica vai em busca da maior campanha em Copas do Mundo e encara a Inglaterra

Geração de Hazard e De Bruyne pode ficar marcada no país após esse terceiro lugar no Mundial da Rússia

por Agência Futebol Interior

  • A cobertura da Copa do Mundo é um oferecimento

Campinas, SP, 13 (AFI) - A Copa do Mundo 2018 vive as suas últimas emoções neste final de semana. Antes da grande decisão, que ocorre no domingo, a Bélgica tem um jogo importantíssimo para a sua história. O país encara a Inglaterra e se vencer chegará a maior campanha no torneio. O feito ainda vale o dobro do valor aplicado nas casas de apostas.

Bélgica é a mais cotada
Em termos de importância não há dúvida que a partida é bem mais interessante para a Bélgica. Afinal, a Inglaterra tem o título de 1966 e qualquer coisa inferior a isso não terá tanto significado. Já para os belgas, o terceiro lugar é fantástico. Até aqui, o melhor desempenho foi em 1986, quando ficou na quarta posição.

A motivação de fazer história deve impulsionar a seleção a ir para frente em busca da vitória, que paga R$ 2,20 para cada real, segundo números do Oddsshark.com. Para isso, a Bélgica conta com força máxima. Além do artilheiro Romelu Lukaku, o time sabe que pode confiar em Eden Hazard, que finalmente faz uma boa Copa, depois dos fiascos em 2014 e na Euro 2016. O resultado fica ainda mais fácil se Kevin De Bruyne repetir a boa apresentação que teve contra o Brasil.

Bélgica vai em busca da maior campanha em Copas do Mundo e encara a Inglaterra
Bélgica vai em busca da maior campanha em Copas do Mundo e encara a Inglaterra
Inglaterra tenta juntar os cacos
A derrota de virada na semifinal foi um duro golpe para a Inglaterra. A seleção sonhava em voltar na final e apostava as fichas na juventude dos seus jogadores. Com revés e como a grande maioria ainda tem muitas outras Copas pela frente, é difícil imaginar que o time terá motivação para buscar a vitória, que paga R$ 3,30 para cada real.

Esta situação já aconteceu na fase de grupos, quando os ingleses estavam classificados e foram para um duelo com os próprios belgas sem ter pelo o que lutar. O resultado disso foi uma atuação apática e de pouca pressão.

O único fator que pode fazer com que a disputa do terceiro lugar seja diferente é Harry Kane. O atacante tem Lukaku no retrovisor e precisa jogar sério para não ter que dividir a artilharia. Ainda assim, a Inglaterra terá que contar com Dele Alli e Sterling inspirados, para tentar bater de frente com a Bélgica.

Opções de resultados
Ainda sobre o vencedor, é possível adotar uma postura mais cautelosa. Neste caso, a opção é recorrer a dupla-chance. Selecionando Bélgica ou empate garante R$ 1,34 para cada real, enquanto triunfo da Inglaterra ou igualdade rende R$ 1,70, de acordo com dados do Oddsshark.com.

No caminho contrário, o handicap traz cifras maiores, desde que o placar venha com saldo de gols. Em caso de triunfo belga por dois de diferença, o retorno é R$ 3,80 para R$ 1,00 clicando na equipe com -1.5. O mesmo número só que para os ingleses oferece R$ 6,25.

Bola na rede
Com dois ataques fortes, a chance de a partida ter muita bola na rede é grande. Selecionando que o duelo termine com pelo menos três gols garante R$ 1,60 para cada real, clicando no total acima de 2.5, segundo estatísticas do Oddsshark.com.

As cifras ficam mais interessantes se você cravar quem será o marcador. O mais cotado para balançar as redes neste sábado é Romelu Lukaku, que dá R$ 1,90 para R$ 1,00. O valor salta para inacreditáveis R$ 5,00 se anotar dois gols. O feito o deixaria empatado com Harry Kane na artilharia do Mundial. O inglês, por sua vez, garante R$ 1,95 se deixar o seu na partida.

Alternativas de lucro
A parte disciplinar também conta para as casas de apostas. Se o duelo esquentar e a partida terminar com pelo menos uma expulsão garante inacreditáveis R$ 5,00. Já com o árbitro marcando um pênalti o retorno é de R$ 2,62 para R$ 1,00.

Para você entender melhor como funcionam os investimentos em esportes preparamos um infográfico para explicar isso passo a passo.

Histórico do confronto
As duas equipes se enfrentaram 22 vezes ao longo da história e o domínio é todo da Inglaterra. O país levou a melhor em 15 oportunidades, tendo empatado cinco e perdido apenas dois. No entanto, somente um ocorreu nos últimos cinco anos, exatamente na fase de grupos deste Mundial e que terminou com a Bélgica vencendo por 1 a 0.

Disputa pelo 3º lugar da Copa do Mundo 2018
Sábado (14/07)

11h - Bélgica (R$ 2,20) x (R$ 3,30) Inglaterra. Empate: R$ 3,75

 
 
  • A cobertura da Copa do Mundo é um oferecimento
" />