Eslovênia x Estados Unidos - Provocações criam clima de decisão

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 17 (AFI) - A Eslovênia enfrenta os Estados Unidos em uma partida que pode lhe garantir a classificação antecipada às oitavas-de-final da Copa do Mundo. A partida acontecerá no Estádio Ellis Park, em Johanesburgo, na próxima sexta-feira, às 11 horas, pela 2.ª rodada do Grupo C.

Considerando que o empate de 1 a 1 entre os rivais EUA e Inglaterra, no último sábado, pela primeira rodada do Mundial, beneficiou a equipe que conseguiu uma vitória, por 1 a 0, sobre Argélia.

Se os eslovenos conseguirem vencer os norte-americanos, estarão praticamente garantidos na próxima fase do torneio. Por outro lado, para os Estados Unidos se manterem vivos na briga por uma das vagas à próxima fase, só interessa a vitória.

Leia mais:
Sobre beijos, Maradona garante: "Eu gosto é de mulher"


A Eslovênia lidera o Grupo C, com três pontos, e se mantém invicta na competição. Os norte-americanos dividem a segunda colocação do grupo com a Inglaterra, ambos com um ponto.

A partida entre as seleções terá “sabor” especial, depois que o meia Landon Donavan disse que a Eslovênia é uma equipe que pode ser batida pelos Estados Unidos. Além disso, o jogador também garantiu que a partida será encarada como uma final, porque uma vitória será fundamental para as ambições da seleção.

“Nós acreditamos que a Eslovênia é um time que podemos vencer. Será uma final para nós. Se empatarmos o jogo ainda estaremos vivos no Mundial. Mas se perdermos, teremos poucas chances de avançar. No entanto, nós sabemos que com a vitória vamos ficar em uma boa posição no grupo. Portanto, será o maior jogo que já disputamos. Os jogadores estão ansiosos e preparados”, afirmou.

Mais provocação
O grupo do treinador Bob Bradley está otimista com a partida que até teve espaço para provocações extra-campo. O zagueiro Oguchi Onyewu não vê motivo para se preocupar com o ataque adversário.

“Eles parecem ser daqueles atacantes que fazem tudo por sua seleção. São trabalhadores, correm o tempo todo. Eles vão fazer o serviço sujo para que a equipe continue no topo. E nós estamos prontos para esse duelo. Não é nada que já não tenhamos visto antes. Só precisamos jogar da maneira que sabemos”, assegurou.

Liderança tranquila
A Eslovênia, mesmo líder do Grupo C, é considerada o azarão da Copa. Segundo o volante Aleksander Radosavljevic, o favoritismo para o jogo é mesmo dos Estados Unidos, porém, mesmo assim, encararão a partida com a mesma postura do primeiro jogo.

“Temos qualidade para enfrentá-los de igual para igual, mas certamente os Estados Unidos são os favoritos. No entanto, nós manteremos a mesma postura do primeiro jogo e partiremos para cima, mas com cautela”, afirmou Radosavljevic.

O técnico Matjaz Kek acredita que a seleção está no caminho certo para conseguir seu objetivo. A vitória sobre a Argélia trouxe motivação para o grupo e boas condições de classificação.

“Estou feliz com os treinamentos do grupo. Os jogadores estão fazendo o seu trabalho com muita satisfação e motivação. Nosso objetivo é alcançar as oitavas-de-final. Estamos cientes da força dos Estados Unidos, mas estamos muito concentrados na partida que pode nos trazer a classificação”, contou o treinador.

Confronto inédito
As seleções nunca se enfrentaram em uma copa do Mundo. Agora, os dois países se encontrão em uma situação que poderá definir o futuro de cada equipe na Copa do Mundo da África do Sul.

Ficha Técnica

Eslovênia x Estados Unidos

Local: Estádio Ellis Park, Johanesburgo – África do Sul
Data: 18/06/2010 (sexta-feira)
Horário: 11 horas (de Brasília)
Árbitro: Koman Coulibaly (MLI)

Eslovênia
Handanovic; Brecko, Suler, Cesar e Koren; Birsa, Novakovic, Jokic e Dedic; Kirm e Radosavljevic.
Técnico: Matjaz kek

Estados Unidos
Howard; Bocanegra, Onyewu, Demerit e Cherundolo; Clark, Bradley, Dempsey e Donovan; Altidore e Findley.
Técnico: Bob Bradley