Copa do Mundo: Adversário do Brasil empata com a Venezuela

por Teste

Campinas, SP, 04 (AFI) - Rival do Brasil na primeira fase da Copa do Mundo, a seleção da Coreia do Norte empatou por 1 a 1 com a Venezuela, nesta quinta-feira, em amistoso disputado no acanhado estádio da cidade de San Felipe, na Venezuela. A partida precisou ser encerrada cinco minutos antes do fim por causa da falta de iluminação natural.

Veja também:
Português: Jogo isolado abre rodada; líderes não podem tropeçar


As duas equipes também decidiram encurtar o tempo da primeira etapa, que também teve apenas 40 minutos. A decisão foi tomada porque o jogo começou com uma hora de atraso, no período da tarde, em um estádio sem refletores.

O amistoso foi ainda marcado pela dificuldade da delegação norte-coreana, que precisou entrar em campo com o uniforme reserva da seleção local. Os visitantes tiveram a bagagem extraviada quando se dirigiam à Venezuela. A Coreia do Norte precisou cancelar o amistoso que faria com o Chile por causa do terremoto que atingiu o país vizinho.

Com a bola rolando, os dois times não surpreenderam e mostraram um futebol de poucos atrativos. A Coreia do Norte, contudo, tomou a iniciativa e abriu o placar logo aos seis minutos de jogo. Chol Man marcou o primeiro da partida, em cobrança de falta.

O empate dos anfitriões veio somente no segundo tempo. Logo no primeiro minuto, Peña sofreu falta dentro da área. Ele mesmo cobrou o pênalti e deixou tudo igual. Na sequência do jogo, a Venezuela dominou a posse de bola, mas não conseguiu obter a virada. A Coreia, por sua vez, cometia muitos erros no meio-campo e também não assustou o goleiro adversário.

A partida acabou sendo encerrada aos 40 minutos quando a escuridão começou a atrapalhar a disputa. A Coreia do Norte será o primeiro adversário do Brasil na Copa, no dia 15 de junho, em Johanesburgo, pelo Grupo G.