MUNDIAL FEMININO: Com pênalti defendido, Suécia bate Canadá e está nas quartas

No próximo sábado, suecas vão tentar uma vaga nas semifinais em duelo contra a Alemanha

por Agência Estado

Campinas, SP, 24 - A Suécia está nas quartas de final do Mundial Feminino, após derrotar, por 1 a 0, nesta segunda-feira, o Canadá, no Parque dos Príncipes, em Paris. As suecas vão tentar uma vaga nas semifinais, sábado, diante das alemãs.

Em sete edições do Mundial, a Suécia esteve três vezes nas semifinais. Foi terceira colocada em 1991 e 2011, além de vice-campeã em 2003. Agora, então, segue na briga para superar essas campanhas após obter um triunfo marcado pela eficiência e pelo brilho de Lindahl, que defendeu um pênalti.

ORGANIZADAS
Nesta segunda-feira, o Canadá teve sempre a iniciativa, com concentração das jogadas pelo lado direito com Prince, enquanto a Suécia apostou no bom domínio de bola de Jakobsson para explorar os contra-ataques. Apesar da insistência, os ataques não conseguiram furar o bloqueio defensivo das equipes. Com isso, o primeiro lance perigoso só surgiu aos 17 minutos, em jogada individual de Jakobsson, que chutou sem perigo, de fora da área.

O segundo tempo continuou com o mesmo panorama, mas, logo aos nove minutos, a Suécia conseguiu encaixar o primeiro ataque perigoso. Asllani fugiu pela esquerda e deu ótima assistência para Blackstenius, que, com categoria, encobriu a goleira Labbé para abrir o placar: 1 a 0.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
CANADÁ TENTOU
Sem muita técnica, mas com muita vontade, o Canadá seguiu em frente e conseguiu a marcação de um pênalti, quando Scott pegou rebote e chutou em direção ao gol, mas a bola bateu na mão de Asllani. Após análise do VAR, o pênalti foi confirmado. Beckie cobrou e Lindahl fez grande defesa no canto direito baixo.

O desespero tomou conta das canadenses, que abriram espaço para as descidas de Rolfo e Blackstenius, que deixaram a Suécia mais perto do segundo gol do que o Canadá do empate. Scott salvou em cima da linha uma finalização de Asslani e um pênalti chegou a ser marcado para as suecas, quando Lawrence derrubou Rolfo. Mas o VAR flagrou Blackstenius impedida no início da jogada. O fim do jogo foi emocionante. As canadenses buscaram de todas as formas a igualdade no placar, mas não tiveram força para levar a disputa para a prorrogação.

DUELOS
Outros dois jogos já estão definidos nas quartas de final: Noruega x Inglaterra jogam na quinta-feira, enquanto França x Estados Unidos duelam na sexta-feira. As oitavas de final do Mundial Feminino prosseguem nesta terça-feira com mais dois jogos: Itália x China e Holanda x Japão.

Confira os resultados da 1ª rodada
Alemanha
3
x
0
Nigéria
Noruega
1
x
1
Austrália
Inglaterra
3
x
0
Camarões
França
2
x
1
Brasil
Espanha
1
x
2
Estados Unidos
Suécia
1
x
0
Canadá
Próximos Jogos
Itália x China
25/06/2019 13:00
Holanda x Japão
25/06/2019 16:00