Mixto-MT 1 x 0 CSA-AL - Azulão dá vexame e é eliminado pelo Tigre

O time alagoano tinha a vantagem do empate, mas caiu precocemente

por Jorge Maciel - Futebolpress

Cuiabá, MT, 06 (AFI) - No ano que vai voltar a disputar a elite do Campeonato Brasileiro depois de 31 anos, o CSA já deu a primeira decepção aos seus torcedores.

Na noite desta quarta-feira, o Azulão foi eliminado precocemente da Copa do Brasil pelo Mixto ao perder por 1 a 0, na Arena Pantanal.

O CSA tinha a vantagem do empate por estar melhor colocado no ranking da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), mas quem avançou à segunda fase foi o Mixto, que vai enfrentar Chapecoense ou São José-RS. De quebra, o Tigre faturou R$ 625 mil.

O JOGO!
O único gol da partida foi anotado por William Amendoim no início da segunda etapa, após um primeiro tempo morno. Uma bola que saiu de um contra-ataque e rondou a área pela direita sobrou para o atacante, que fuziliou de direita o canto do goleiro João Carlos, que nada pôde fazer.

O Mixto eliminou o CSA e está na segunda fase da Copa do Brasil (Foto: Júnior Martins/Mixto)
O Mixto eliminou o CSA e está na segunda fase da Copa do Brasil (Foto: Júnior Martins/Mixto)

SÓ VOLUME DE JOGO
Depois do gol, apesar de maior poderio ofensivo, o CSA não conseguiu furar a defesa adversária, que apostava no contra-ataque para liquidar a fatura. O goleiro mixtense estava em noite inspirada e fez pelo menos dois milagres - num chute de Didira e uma cabeçada forte de Patrick.

Nos minutos finais, o CSA teve algumas tentativas para empatar, o que lhe garantiria a classificação, mas o Mixto segurou a vitória.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
1ª rodada
Data
06/02/2019
Horário
21h30
Local
Arena Pantanal - Cuiabá (MT)
Árbitro
Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Renda
R$ 25.800,00
Assistentes
Michael Correia (RJ) e Daniel do Espírito Santo Parro (RJ)

Público
1.920 torcedores
Cartões Amarelos
Mixto-MT: Rodrigo Biro, Leandrinho
CSA-AL: Matheus Sávio

Gols
Mixto-MT: William Amendoim 2' 2T
Mixto-MT
Vinícius;
Ailton, Marlon, Mateus Alves e Rodrigo Biro (Leandrinho);
Arthur, Lucas Coutinho, William Amendoim e Dinelson (Renan);
John Marques (Roberto) e Yan Philippe.
Técnico: Toninho Pesso.
CSA-AL
João Carlos;
Celsinho, Gerson, Luciano Castán e Pedro Rosa (Jhon Cley);
Amaral (Jhonnatan), Dawhan, Mateus Sávio, Régis e Didira (Lohan);
Patrick Fabiano.
Técnico: Marcelo Cabo.
 
 
" />