Red Bull Brasil 1 x 1 América-MG – Toro Loko não estreia com pé direito

O time de Campinas vai precisar vencer em Belo Horizonte para avançar na Copa do Brasil

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 20 (AFI) – Em sua primeira partida na história pela Copa do Brasil, o Red Bull Brasil não conseguiu dar alegria para os poucos torcedores que compareceram na noite desta quarta-feira no Estádio Moisés Lucarelli e ficou no empate por 1 a 1 com o time alternativo do América-MG, em duelo válido pela 1ª fase.

A partida de volta está marcada para a próxima terça-feira, às 21h30, na Arena Independência, em Belo Horizonte.

O Coelho entra com a vantagem do empate sem gols, enquanto o Toro Loko precisa vencer ou empatar com mais de dois gols se quiser classificar.

Na segunda fase da Copa do Brasil, quem passar vai encarar o Bahia, que eliminou o Globo-RN.

Um grupo de estudantes do curso de Educação Física da PUC de Campinas foi ao jogo para uma análise da partida. Uma aula ministrada e presente pelo professor Jefferson Espanhol. Eles tiveram a entrada facilitada pelo departamento de marketing do Red Bull Brasil, por Andrey

Grupo de alunos de Educação Física da PUCC esteve analisando jogo do Red Bull Brasil
Grupo de alunos de Educação Física da PUCC esteve analisando jogo do Red Bull Brasil
Cabral, e um espaço especial dentro do Majestoso.

CORRERIA E GOLS
Mesmo jogando fora de casa e com um time alternativo, o América começou a partida pressionando o Red Bull Brasil e levou perigo aos nove minutos, quando Borges recebeu de Tiago Luís dentro da área e finalizou na rede pelo lado de fora.

A resposta do Toro Loko veio no lance seguinte. Igor Sartori cobrou escanteio e Edmilson cabeceou com perigo pela linha de fundo. João Ricardo apenas acompanhou.

Quando o Red Bull Brasil começava a gostar do jogo, o América abriu o placar aos 25 minutos. Borges lançou para Brayan e o lateral, em posição de impedimento, bateu de primeira por cobertura de Saulo, fazendo um golaço no Majestoso. O Coelho quase ampliou na sequência. Matheusinho arriscou de longe e a bola passou raspando a trave, indo na rede pelo lado de fora.

O Red Bull Brasil por muito pouco não empatou aos 32. Após cruzamento de Willie, Edmilson subiu na marca do pênalti e cabeceou na trave de João Ricardo. Aos 41, Willie foi derrubado por Bryan dentro da área e a arbitragem assinalou pênalti. Edmilson bateu no canto esquerdo, deslocando o goleiro e deixando tudo igual.

E quase que o Toro Loko não vira no lance seguinte. Maylson aproveitou bola mal tirada pela zaga do Coelho e soltou a bomba para fora.

SEM MUITA EMOÇÃO

Logo no primeiro minuto do segundo tempo, Edmilson tabelou com Misael e arriscou de fora da área. Bem posicionado, João Ricardo defendeu sem dar rebote. A resposta do Coelho veio no lance seguinte. Tony cruzou e Tiago Luis, livre de marcação, desperdiçou boa oportunidade ao cabecear torto pela linha de fundo.

O Toro Loko insistia nas finalizações de fora da área e, aos 16, foi a vez de Willie testar João Ricardo. Após um começo movimentado, o segundo tempo passou a ficar bastante truncado no meio-campo e com poucos lances de perigo. Aos 32, Bryan chutou cruzado e por muito pouco Borges não conseguiu completar de carrinho.

Willie recebeu na entrada da área e chutou forte para defesa de João Ricardo. O rebote sobrou Maylson, que furou na hora da finalização. Aos 44 minutos, Willian Rocha recebeu lançamento, ganhou do adversário e ficou na frente do goleiro, mas chutou errado, na rede do lado de fora.

Ficha Técnica

Fase
1ª Fase
Rodada
1ª rodada
Data
20/04/2016
Horário
19h30
Local
Estádio Moisés Lucarelli - Campinas (SP)
Árbitro
Bruno Arleu de Araujo (CBF)

Assistentes
Ivan Carlos Bohn (CBF) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (CBF)

Cartões Amarelos
Red Bull Brasil-SP: Anderson Marques
América-MG: Bryan

Gols
Red Bull Brasil-SP: Edmilson 41' 1T
América-MG: Bryan 25' 1T
Red Bull Brasil-SP
Saulo;
Everton Silva, Anderson Marques, Sacoman (Luan) e Gerson;
Willian Magrão, Nando Carandina, Maylson;
Misael (Willian Rocha), Igor Sartori (Willie) e Edmílson.
Técnico: Maurício Barbiéri.
América-MG
João Ricardo;
Pablo, Adalberto (Roger), Sueliton e Bryan;
Claudinei, Ernandes, Tony e Tiago Luis;
Borges (Sávio) e Matheusinho (Danylo).
Técnico: Givanildo Oliveira.
 
 
" />