Anapolina-GO 1 x 2 Vitória-BA - Leão leva susto, mas consegue a virada diante da Xata

Após um primeiro tempo apático, o Rubro-negro se estabilizou após o intervalo e construiu uma boa vantagem para o jogo de volta

por Agência Futebol Interior

Anápolis, GO, 01 (AFI) – Anapolina e Vitória estrearam na Copa do Brasil nesta quarta-feira. A Xata, jogando em casa, jogou melhor, saiu na frente, mas permitiu a virada do Leão. O resultado em 2 a 1 deixa o Rubro-negro com boa vantagem para a próxima partida, já que pode perder por até 1 a 0, que garante a vaga.

Os dois times voltam a se enfrentar no próximo dia 15 de abril, quarta-feira, no estádio do Barradão, em Salvador. Quem passar do duelo enfrenta o ASA de Arapiraca, que eliminou o São Raimundo-RR.

O JOGO

O primeiro tempo começou movimentado. Os dois times buscavam o ataque, mas o Leão era mais cauteloso. A Anapolina aproveitava o fator casa e o estádio cheio para tentar pressionar o adversário. Não demorou para a Xata abrir o placar. Aos 11 minutos, após cruzamento da direita, Viola não conseguiu alcançar, mas Pedro Oldoni conferiu e empurrou para as redes. A torcida foi à loucura nas arquibancadas.

Vitória vira sobre Anapolina e fica com um pé na próxima fase
Vitória vira sobre Anapolina e fica com um pé na próxima fase

Três minutos mais tarde, a Anapolina quase ampliou. Marcelo partiu em velocidade pela direita e acertou um lindo chute. A bola passou muito perto do gol de Fernando Miguel.

A melhor chance do Vitória veio aos 18 minutos, quando Rogério passou pela marcação, mas foi derrubado dentro da área e o juiz marcou penalidade máxima. Aos 20 minutos, Neto Baiano soltou a bomba, porém a bola bateu no travessão. No rebote, a zaga do Anapolina afastou o perigo.

A partir daí, o jogo ficou mais equilibrado, com os dois times com um meio de campo muito movimentado. Amaral era o diferencial do time do Vitória, mas a Anapolina não facilitava as coisas. No último lance da primeira etapa, aos 45 minutos, o Leão quase empatou. Rogério driblou bem o marcador e arriscou, mas Wagner fez boa defesa.

LEÃO RUGIU ALTO!

Na volta do intervalo, o Vitória foi mais incisivo que a Anapolina. Logo aos 11 minutos, o Leão quase empatou. Jorge Wagner cobrou escanteio no segundo pau e Rogério, sozinho, cabeceou para fora.

Aos 24 minutos, o atacante, melhor em campo pelo lado rubro-negro, não perdoou. Ele recebeu cruzamento da direta, ganhou da defesa da Xata e empurrou para as redes.

Com o empate do Vitória, o jogo ficou aberto e as duas equipes se lançaram ao ataque. A Anapolina, porém, ia para o tudo ou nada, já que o resultado em 1 a 1 favorecia o Leão.

O preparo físico falou alto no final do jogo e o Vitória soube assegurar a pressão e conseguiu a virada aos 36 minutos. Após cobrança de escanteio, Luiz Gustavo subiu mais que todo mundo e testou firme para fazer o segundo do Leão.

Com a vantagem, o Vitória segurou a posse de bola e garantiu uma ótima vantagem para a próxima partida.

Ficha Técnica

Fase
1ª Fase
Rodada
1ª rodada
Data
01/04/2015
Horário
19h30
Local
Estádio Jonas Duarte - Anápolis (GO)
Árbitro
Alisson Sidnei Furtado - TO

Assistentes
Natal da Silva Ramos Júnior - TO e Gilvan Cavalcante dos Santos Medrado - TO

Cartões Amarelos
Anapolina-GO: Leandro, Jacó
Vitória-BA: Luiz Gustavo

Gols
Anapolina-GO: Pedro Oldoni 14' 1T
Vitória-BA: Rogério 24' 2T, Luiz Gustavo 26' 2T
Anapolina-GO
Wagner;
Marcelo Ferreira, Cris, Neto Pierin e Da Silva;
Leandro (Johnathan), Rodriguinho (Sandrinho), Felipe Baiano e Felipe Brisola;
Viola e Pedro Oldoni (Jacó).
Técnico: Gilberto Pereira
Vitória-BA
Fernando Miguel;
Romário, Ednei, Luiz Gustavo e Mansur;
Amaral, Flávio (Maracás), Jorge Wagner (Dakson) e Vander;
Rogério (Euller) e Neto Baiano.
Técnico: Claudinei Oliveira
 
 
" />