Sobradinho-DF não consegue laudo e recebe Remo-PA com portões fechados na Copa Verde

O clube não conseguiu os laudos necessários dos órgãos de segurança pública de Brasília, não permitindo a presença de torcida

por Sérgio Porto

Brasília, DF, 12 (AFI) - O Sobradinho Esporte Clube, um dos representantes do Distrito Federal na Copa Verde 2019, enfrentará o Remo do Pará, nesta terça-feira, a partir das 15 horas no estádio Abadião, na cidade de Ceilândia, sem a presença de seu torcedor. O clube não conseguiu os laudos necessários dos órgãos de segurança pública de Brasília, não permitindo a presença de torcida.

A equipe do Leão da Serra está perdendo uma excelente oportunidade de angariar recursos que o ajudariam no cumprimento de suas obrigações financeiras com seu elenco. Ainda, como Brasília recebe pessoas de todo o país pois é Capital do Brasil, os torcedores do Remo do Pará estão impedidos de assistir seu time de coração atuar no Distrito Federal.

Para este confronto frente a equipe paraense, o técnico Evilásio de Almeida tem uma dúvida no meio de campo. O experiente volante Geovani não atuou frente ao Manaus, na capital manauara. Quem entrou em seu lugar foi Castro Junior. Nas demais posições, a tendência é que a equipe seja a base que começou o confronto diante do Manaus.

O Estádio Abadião não receberá publico nesta terça-feira
O Estádio Abadião não receberá publico nesta terça-feira
A busca do time candango é a mesma na disputa da primeira fase frente ao Manaus, quando conseguiu praticamente a classificação após uma vitória de 4 a 1. O time do Remo está envolvido nas disputas da série C do brasileiro e deve atuar em Brasília com um time alternativo.

A tendência do time candango do técnico Evilásio de Almeida é que possa formar com: Léo; Dedê, Jailton, Igor João e kabrine; Geovane (Castro JR), Robinho e Carlos Henrique; Dim, Wisman e Gilvan.

A partida entre o Leão da Serra do Distrito Federal e o Leão Malinoparaense terá arbitragem capixaba de Felipe Duarte Varejão, com os assistentes Paulo Rangel Casanova e Ademar Junior Berger. O quarto árbitro será Maguielson Lima, do DF.

O jogo da volta entre Remo x Sobradinho será dia 21 de agosto, no estádio Mangueirão, em Belém do Pará.

CLUBE DO REMO DEVE ATUAR COM TIME ALTERNATIVO
Quem está de volta ao Distrito Federal é o técnico Márcio Fernandes, que já esteve no comando do Brasiliense em 2012 quando conseguiu salvar o time candango do rebaixamento da série C daquele ano. O comandante do time paraense está em voltas com a participação do Remo na própria série C do brasileiro.

No final de semana o Remo empatou em 0 a 0 com o Volta Redonda, no Rio de Janeiro. A equipe ocupa a sexta posição com 23 pontos ganhos e está fora da zona de classificação. Para este confronto frente ao Sobradinho pela Copa Verde, o Clube do Remo deve atuar com uma equipe alternativa. O meia Zotti deve ser uma das novidades do Leao Malino frente ao Sobradinho.