São Caetano x EC São Bernardo - Azulão e Cachorrão fazem clássico para ir à final

No duelo de ida, as duas equipes ficaram no empate por 2 a 2, portanto quem vencer o jogo de volta, fica com a vaga na decisão

por Agência Futebol Interior

São Caetano do Sul, SP, 01 (AFI) - Após o empate por 2 a 2 na rodada de ida das semifinais da Copa Paulista, São Caetano e EC São Bernardo fazem mais um clássico do ABC para decidir quem irá para a grande decisão do torneio estadual e consequentemente ficará com uma vaga em uma competição nacional em 2020. As duas equipes se enfrentam desta vez no Estádio Anacletto Campanella, casa do Azulão, às 16h30, deste sábado (02).

Como não há vantagens por melhor campanha, as duas equipes precisam vencer para ir à final. Em caso de mais um empate, a decisão de quem irá avançar à decisão irá para os pênaltis.

Além disso, avançar se torna ainda mais importante porque, como é previsto por regulamento, os dois finalistas tem o direito de escolher uma vaga entre a Copa do Brasil e a Série D do Campeonato Brasileiro do próximo ano, no qual o campeão escolhe com qual quer ficar e o vice pega a que sobrar.

Para ir a final, São Caetano e EC São Bernardo duelam no Anacleto Campanella
Para ir a final, São Caetano e EC São Bernardo duelam no Anacleto Campanella
CAMPANHAS
Enquanto o time azulino, que tem a vantagem de jogar em casa, busca chegar a sua primeira final na Copa Paulista, a equipe alvinegra faz a sua estreia no torneio e logo na primeira participação, já chegou ao mata-mata. No duelo direto entre as equipes nesta Copa Paulista, melhor para o Azulão, que venceu um e empatou os outros dois jogos.

Para chegar até aqui, o São Caetano fez uma campanha praticamente perfeita e terminou na liderança de suas chaves em todas as fases do torneio. Ao todo, em 23 jogos disputados, o time celeste venceu 13, empatou sete e perdeu apenas três.

Já o EC São Bernardo veio em um crescente durante o campeonato. Após terminar na terceira colocação do Grupo 4 na primeira fase, a equipe alvinegra liderou as outras duas etapas. Em 23 jogos são 11 vitórias, sete empates e quatro derrotas.

Marcelo Vilar passa as ultimas instruções antes das semifinais
Marcelo Vilar passa as ultimas instruções antes das semifinais
SÃO CAETANO
Para a partida deste sábado, o técnico Marcelo Vilar não deve fazer grandes mudanças na formação titular do São Caetano em relação ao time que começou o jogo passado. A baixa mais sentida continua sendo a do artilheiro Gleyson, que está fora de combate há cinco jogos em virtude de uma lesão e só deve voltar para a grande final, caso o Azulão avance.

Sem ele, Marlon e Emerson Santos deram conta do recado na ida e marcaram os gols. De qualquer forma, sabendo que o time azulino não terá vida fácil para avançar na competição e disputar pela primeira vez a decisão deste campeonato, o técnico Marcelo Vilar projetou os desafios que precisam ser superados pelo Pequeno Gigante.

"Vamos jogar em casa, mas não espero por algo diferente do que foi a primeira partida. Será um jogo tão difícil quanto o primeiro. Não queremos cometer os erros do jogo passado e, assim, sair com a vitória", desejou o treinador, que não possui desfalque por suspensão.

Quem também falou sobre a expectativa de enfrentar o Cachorrão foi o goleiro Tom. Na opinião do arqueiro, o duelo de sábado precisa ser encarado como uma verdadeira decisão para que o São Caetano possa se classificar. "Não vejo essa partida apenas como uma semifinal, mas sim como uma final mesmo. Contamos com a ajuda da torcida para nos empurrar, como os torcedores deles fizeram lá(São Bernardo do Campo)", afirmou o arqueiro.

EC SÃO BERNARDO
Do outro lado, o técnico Renato Peixe também não poderá contar com os seus dois principais atacantes. Isso porque Jhonny, autor de 11 gols no torneio, se lesionou na primeira partida da decisão, enquanto Felipe, com 8 gols feitos, pertence ao São Caetano e não poderá jogar em virtude de uma cláusula de empréstimo.

Em sua primeira participação na Copa Paulista, EC São Bernardo tentar ir a final
Em sua primeira participação na Copa Paulista, EC São Bernardo tentar ir a final
Em compensação, o zagueiro Messias reforça a equipe após cumprir suspensão no último jogo, porém ele deve começar no banco de reservas, já que a formação incicial da defesa promete ser Dema e Wesley. No ataque, Giovani Pavanni assume o posto de 'homem gol', ao lado de Gabriel Souza e Felipinho. Mesmo com essas mudanças, o comandante projetou um grande duelo neste sábado.

"Quando iniciou o projeto todos almejavam chegar nas fases finais. Sabemos da dificuldade que vamos encontrar neste segundo jogo porque o adversário é muito qualificado. Por outro lado, ficamos felizes pela primeira partida, atuamos de igual para igual, o que dá confiança maior para conseguir o resultado positivo fora de casa", projetou, ainda completando sobre o equilibrio no duelo direto entre as duas equipes.

"As equipes já se conhecem. Por isso, o jogo vai ser definido nos detalhes. Não é clichê dizer isso. Temos que ter atenção redobrada por ser decisão e pelos times já terem se enfrentado três vezes no torneio", completou.

Ficha Técnica

Fase
Semifinal
Rodada
2ª rodada
Data
02/11/2019
Horário
16h30
Local
Anacleto Campanella - São Caetano do Sul (SP)
Árbitro
Salim Fende Chavez

Renda
R$ 10.280,00
Assistentes
Luiz Alberto Andrini Nogueira e Bruno Salgado Rizo

Público
1.282 pagantes
Cartões Amarelos
São Caetano: Clayton, Luiz Daniel
EC São Bernardo: Vinícius Barba, Jhonny

Cartões Vermelhos
EC São Bernardo: Giovanni Pavani
Gols
São Caetano: Jean Dias 7' 1T
São Caetano
Tom (Luiz Daniel);
Lucas Mendes, Júnior Alves, Max e Bruno Recife;
Mazinho, Karl, Clayton (Anderson Rosa) e Jean Dias (Alex Reinaldo);
Marlon e Emerson Santos.
Técnico: Marcelo Vilar
EC São Bernardo
Junior Souza;
Gabriel Souza, Dema (Felipe Sussai), Marcelo e Carlinhos;
Wesley, Mariano, Vinicius Barba e Giovanni Pavani (Ruhan);
Johnny e Samuel (Emerson).
Técnico: Renato Peixe