São Caetano x Mirassol - Clima de amistoso na Copa Paulista...

O Placar ao Vivo do Portal Futebol Interior acompanhará todos os jogos ao vivo das competições

por Agência Futebol Interior

São Caetano do Sul, SP, 18 (AFI) - Em clima de amistoso, São Caetano e Mirassol se enfrentam neste sábado, às 16h, no estádio Anaclaeto Campanella, pela sexta rodada da Copa Paulista. O jogo acaba sendo interessante para o Leão, que pode melhorar sua classificação no geral, critério utilizado para definir os confrontos na fase semifinal. O jogo será acompanhado pelo Placar ao Vivo do Portal Futebol Interior.

Com 13 pontos, o São Caetano já não pode mais ser alcançado pelo Mirassol, que tem oito, e tem a certeza que fará o confronto da semifinal em casa, por ter uma campanha no torneio melhor em realação a seus rivais. Hoje, inclusive, os times se reencontrariam na próxima fase.

No geral, o Azulão tem 45 pontos, contra 39 de EC.São Bernardo, XV de Piracicaba (ou Comercial) e 37 do Mirassol. Um triunfo neste sábado, faria com que o Leão saísse da mira do São Caetano na semifinal. O 'time de amarelo' vem de empate com a Ferroviária, por 2 a 2, enquanto a equipe do ABC passou pelo Santo André, por 2 a 1. Ferrinha e Ramalhão estão eliminados.

Em retrospecto bastante equilibrado, o São Caetano possui pequena vantagem com 10 vitórias contra oito triunfos a favor do Mirassol. Outros sete compromissos terminaram empatados.

COMO VEM O AZULÃO?
O técnico Marcelo Vilar deve escalar um São Caetano modificado para encarar o Mirassol. O treinador deve apostar em jogadores pouco desgastados, a fim de preservar alguns atletas para a semifinal. O desfalque certo é do zagueiro Júnior Alves, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Sandoval é o substituto imediato.

Mirassol e São Caetano se enfrentam neste sábado
Mirassol e São Caetano se enfrentam neste sábado
"Encaramos todos os jogos com responsabilidade. Vamos jogar para ganhar novamente, não pode ser de maneira diferente. Não podemos descansar. Precisamos aumentar o nosso foco e aumentar o poder de decisão, pois daqui para frente não existe aquela história de se recuperar durante o campeonato. É mata-mata na próxima fase e seja qual for o adversário esperamos por dificuldades”, afirmou o treinador.

“A gente entra em todas as partidas com concentração no máximo. Um momento que se desliga no jogo, você sofre o gol ou se machuca. Pode ter certeza que vamos com dedicação total diante do Mirassol também”, completou Alex Reinaldo.

E O MIRASSOL?
O pensamento do técnico Ricardo Catalá é fazer várias mudanças em no Mirassol na última partida da terceira fase da Copa Paulista. Dos 18 atletas relacionados, nove são da base do Leão: Matheus Aurélio, Vinicius, João Denoni, Jardisson e Felipe Micael já atuaram nesta Copa Paulista, já Eduardo e Lucas Vital, que subiram do sub-20, e Kauan, que vem do sub-17, podem fazer sua estréia pelo profissional do Leão. Assim como o meio-campo Luis Oyama, que pode estrear nessa Copinha após se recuperar de lesão.

"Nessa partida eu devo usar a maioria dos jogadores que não vêm atuando, assim como nós fizemos em Piracicaba, vou usar alguns atletas do sub-20, que subiram após o término do campeonato, para que eles tenham suas oportunidades também e vamos buscar a vitória com essa equipe", disse Catalá.

Dentre os que já atuaram nesta Copa Paulista, Matheus Aurélio é um dos nomes mais conhecidos da torcida e volta após empréstimo e título da série C com o Náutico. O meia João Denoni volta a ser opção depois de se recuperar de uma lesão na coxa direita.

Ficha Técnica

Fase
Terceira Fase
Rodada
6ª rodada
Data
19/10/2019
Horário
16h00
Local
Anacleto Campanella - São Caetano do Sul (SP)
Árbitro
Adriano de Assis Miranda

Renda
R$ 2.310,00
Assistentes
Rafael Tadeu Alves de Souza e Paulo Cesar Modesto

Público
314 pagantes
Cartões Amarelos
São Caetano: Jefferson Maranhão, Marquinhos, Gabriel
Mirassol: Arthur

Gols
Mirassol: Léo Aquino 28' 1T, João Denoni 21' 2T
São Caetano
Douglas;
Lucas Mendes, Sandoval, Régis e Marquinhos (Anderson Luís);
Índio, Valdeir, Gabriel Rato ( Keffel) e Chumbinho;
Ermínio e Jefferson Maranhão (Renan).
Técnico: Marcelo Vilar
Mirassol
Matheus Aurélio;
Vinícius, Victor Caetano, Arthur e Renan;
Ícaro, Vital e Léo Aquino (Kauan);
Rafael Silva, Felipe Micael (Jardisson) e Paulinho (João Denoni)
Técnico: Ricardo Catalá