São Caetano 1 x 0 Taubaté - Azulão vence confronto direto e dispara na ponta do Grupo 3

Equipe do ABC chegou aos 21 pontos, três à frente do Burro da Central; time do Vale do Paraíba perdeu invencibilidade na Copa Paulista

por Agência Futebol Interior

São Caetano do Sul, SP, 08 (AFI) - O São Caetano venceu, por 2 a 0, o confronto direto com o Taubaté e disparou na ponta do Grupo 3. Além disso, manteve a invencibilidade na Copa Paulista e colocou um ponto final à sequência de dez jogos sem perder que o Burro da Central acumulava desde a reta final do Paulista A2. O confronto, válido pela 10ª rodada, aconteceu no Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul-SP, na tarde deste sábado.

Agora, o Azulão ocupa a liderança com 21 pontos, três à frente do time do Vale do Paraíba. Fechando o G4, Santo André, com 14, e São Bernardo, com 11. A chave ainda conta com Santos, com 11, Bragantino, com quatro, e Água Santa, com dois. O trio está sendo eliminado da competição estadual.

Foto: Bruno Castilho / EC Taubaté
Foto: Bruno Castilho / EC Taubaté

FRACO
O primeiro tempo começou com posse de bola do São Caetano. Jogando dentro de casa, o Azulão apertou o Burro do Central. Apesar disso, com pouca inteligência e errando muitos passes próximos à grande área, os mandantes não exigiram que o goleiro alviazul, Rafael Roballo, trabalhasse nos primeiros minutos.

LEVE MELHORA
A primeira boa chegada da primeira metade foi do Taubaté. Aos 23’, após bela trama do lateral-direito Jean, a bola chegou ao meia Erik. Mas ele finalizou fraco, facilitando a defesa do arqueiro Luiz Daniel. Aos 28’, Alex Flávio quase abriu o placar para os donos da casa. Após batida de escanteio, o zagueiro subiu sozinho, mas cabeceou para fora. Na reta final, muito equilíbrio, mas nada de efetivo.

Foto: Bruno Castilho / EC Taubaté
Foto: Bruno Castilho / EC Taubaté

MOVIMENTADO
Aos 3’ da etapa complementar, quase gol do Taubaté. O volante Elivelton fez boa jogada, driblou dois e bateu forte. No meio do caminho, atacante Gabriel Davy desviou e matou o arqueiro azulino. A bola, porém, saiu em tiro de meta. Pouco depois, aos 6’, o lateral-direito Luís Felipe cobrou falta com perigo, assustando o goleiro vale-paraibano. Aos 12’, após escanteio, o atacante da casa, Stéfano Yuri, desviou de cabeça para fora. Aos 17’, nova falta do ala da casa. Luís Felipe, dessa vez, exigiu bela intervenção de Roballo.

BOLA NA REDE
O São Caetano seguiu pressionando o Taubaté. Aos 21’, Stéfano Yuri saiu na cara do gol, mas o camisa 1 visitante fez um milagre na melhor oportunidade do jogo até aquele momento. Aos 30’, o zagueiro caetanista Alex Flávio apareceu sozinho no segundo pau após escanteio da direita para abrir o placar. Ele cabeceou firme, na gaveta, sem qualquer possibilidade de defesa. Na reta final, os donos da casa apenas controlaram a partida, garantindo o importante triunfo.

PRÓXIMOS JOGOS
As duas equipes voltam a campo na quarta-feira, às 15h. O Taubaté, no Joaquinzão, em Taubaté, recebe o Santos, enquanto o São Caetano vai 1º de Maio, em São Bernardo do Campo, encarar o São Bernardo, para mais um clássico do ABC.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
10ª rodada
Data
08/09/2018
Horário
16h00
Local
Anacleto Campanella - São Caetano do Sul (SP)
Árbitro
Paulo Sergio dos Santos

Renda
R$ 2.555,00
Assistentes
William Trufelli Malaquias e Thiago Henrique Almeida Alborghetti

Público
477 presentes
Cartões Amarelos
São Caetano: Luís Felipe, Magrão
Taubaté: Gabriel Davy

Gols
São Caetano: Alex Flávio 30' 2T
São Caetano
Luiz Daniel;
Luís Felipe, Alex Flávio, Magrão e Bruno Recife;
Pablo e Índio (Hernandes);
Kaique, Paulo Vinícius e Crispim (Cristian);
Stéfano Yuri (Júnior Araújo).
Técnico: Pintado
Taubaté
Rafael Roballo;
Cesinha, Donato e Henrique;
Jean, Elivelton, Hugo, Erik (Sávio) e Michael;
Dill (Elorhan) e Gabriel Davy (Tatá).
Técnico: Marcelo Martelotte
 
 
" />