Inter de Limeira 1 x 0 Taboão da Serra - Leão fica com melhor campanha e elimina CATS

Com o resultado obtido na manhã desse domingo, o time limeirense irá enfrentar o Linense nas quartas de final

por Agência Futebol Interior

Limeira, SP, 15 (AFI) - A Inter de Limeira fez jus ao fator casa para conquistar mais uma vitória para avançar para as quartas de final da Copa Paulista com a melhor campanha entre os oito times classificados. Na manhã desse domingo - quando foi disputada a sexta e última rodada da segunda fase de forma completa - o Leão recebeu e venceu o Taboão da Serra, pelo placar de 1 a 0, no Estádio Major Levi Sobrinho. O gol marcado por Moisés ainda no primeiro tempo eliminou o CATS.

Com o resultado, o Leão fecha a sua participação na segunda fase com 11 pontos na segunda colocação do Grupo 5. Apesar disso, o time limeirense tem o melhor retrospecto entre todos os times nas duas primeira fases e por isso chega com vantagem nas quartas de final. Podendo decidir em casa, a Inter de Limeira irá enfrentar o Linense, em partidas de ida e volta, já nos próximos finais de semana.

O gol marcado por Moisés ainda no primeiro tempo eliminou o CATS (Foto: Edmar Ferreira)
O gol marcado por Moisés ainda no primeiro tempo eliminou o CATS (Foto: Edmar Ferreira)
Já o Taboão da Serra ficou em terceiro na chave com sete pontos, mas não conseguiu avançar pois ficou atrás de XV de Piracicaba e Portuguesa, como melhores terceiros colocados e está eliminado. Por conta disso, já começa a pensar em 2018 quando irá disputar o Paulista A3.

PRIMEIRO TEMPO
Jogando em casa, a Inter de Limeira ditava o ritmo da partida nos primeiros minutos, principalmente em jogadas rápidas pelo meio campo, mas encontrava o Taboão da Serra bem postado, pronto para encaixar um contra-ataque e abrir o placar. Em um desses lances, o time visitante ficou muito próximo de abrir o placar. Aos 20 minutos, em uma cobrança de escanteio, Marcelinho cabeceou firme e obrigou o goleiro Moisés a fazer uma difícil defesa de mão trocada para salvar o Leão.

A partir daí, a partida ficou bastante equilibrada no meio-campo. Porém a resposta da Inter de Limeira veio em forma de gols. Aos 35, após bela triangulação pelo lado esquerdo do campo, Calixto deu um passe açucarado para Moisés, que da entrada da área bateu cruzado e fez um bonito gol, em chances para o goleiro Deola, que só olhou a bola entrar. Nos minutos finais, o Taboão da Serra foi para cima em busca do empate, mas sem sucesso. Até por conta disso, o primeiro tempo terminou com a vitória parcial dos donos da casa.

SEGUNDO TEMPO
Precisando do resultado para avançar na Copa Paulista, o Taboão da Serra voltou para a segunda etapa com tudo, fazendo pressão na área adversária em busca do empate, principalmente em jogadas do atacante Danilo Medeiros. Enquanto isso, a Inter administrava a vitória e respondia em jogadas rápidas pelos lados de campo. Em um desse lances, Calixto cruzou na área mas ninguém apareceu na área para cabecear e o Leão perdeu uma boa chance.

Depois disso, o Taboão da Serra continuou em cima. Sua melhor chance veio aos 32 minutos, quando Danilo Medeiros recebeu na área e chutou de primeira, mas ligado no lance Moisés fez uma defesa em dois tempos. Aos 40, Marcelinho chegou a chutar uma bola no travessão. Nos minutos finais, o jogo seguiu da mesma forma, com os visitantes pressionando mas pouco assustando e Leão segurando o resultado. Por isso, o jogo terminou mesmo com a vitória dos donos da casa, por 1 a 0.

Ficha Técnica

Fase
Segunda Fase
Rodada
6ª rodada
Data
15/10/2017
Horário
10h00
Local
Major Levy Sobrinho - Limeira (SP)
Árbitro
Cleber Luis Paulino

Renda
R$ 9.130,00
Assistentes
Vladimir Nunes da Silva e Luis Felipe Prado

Público
614 pagantes
Cartões Amarelos
Internacional: Lucas Douglas
Taboão da Serra: João Victor, Amparo

Gols
Internacional: Moisés 35' 1T
Internacional
Moisés;
Vinicius Pedalada (Carlão), Balardim, Diego e Calixto;
Ricardinho, Luis Roberto (Teco), Moisés;
Tom, Lucas Douglas (Lucas Mineiro) e Wesley.
Técnico: João Vallim
Taboão da Serra
Deola;
Vinicius Viana, João Victor, Xabá e Gabriel;
Alberto, Amparo (Maurinho), Marcelinho e Diego Sousa;
Weldon (Igor) e Danilo Medeiros (Renan).
Técnico: Axel