Paulista A3: Dupla conquista confiança de Edson Vieira e assume zaga do Comercial

Nos últimos dois embates, o treinador do Leão do Norte optou por Silvio e Cortez, que parecem ser os titulares definitivos

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 06 (AFI) - O Comercial tem um sistema defensivo consistente, já que tomou sete gols em dez partidas no Paulista A3, média de 0,7. Porém, os zagueiros Gregory, Léo Coelho, Gut, Danilo, Tenner, Silvio e Cortez chegaram a ir a campo, enquanto Cleber tenta entrar em forma para estrear. Nos últimos dois embates, o técnico Edson Vieira optou por Silvio e Cortez, que parecem ser os titulares definitivos. Com eles, o Leão do Norte venceu o Olímpia por 2 a 0 e ficou no empate sem gols com o Primavera.

“O Sílvio era o jogador experiente que o nosso time precisava, o Cortez, não vou trabalhar mais como lateral. Ele tem ido muito bem como zagueiro. Os dois jogadores tem feito boas partidas e estão ganhando cada vez mais confiança”, disse o comandante ao WSports.

A próxima partida do Comercial será no sábado, às 16h, diante do Desportivo Brasil, em Ribeirão Preto, em Palma Travassos, pela décima primeira rodada. O Dragão Chinês, dono do melhor ataque, com 28 gols, tem os artilheiros do Paulista A3 - Lucas Douglas, com dez, e Marcelo Campanholo, com sete. Silvio analisou essa situação.

Foto: Bruno Freitas / ECN
Foto: Bruno Freitas / ECN
“O Desportivo está na nossa frente na classificação e tem o melhor ataque, então já vamos entrar em campo sabendo da responsabilidade que teremos pela frente, que será de parar esse bom ataque deles. Teremos que entrar muito forte para que possamos continuar sem sofrer gols”, contou o defensor ao WSports.

CURIOSIDADE
Outro detalhe chama atenção do duelo entre o Leão do Norte e o Dragão Chinês. O Comercial costuma ser melhor na etapa final. Prova disso é que, na parte final de jogo, oito gols foram marcados (de dez no total) e dois, sofridos (de sete). O Desportivo Brasil, porém, costuma ter melhor desempenho defensivo no primeiro tempo: apenas três de 14 tentos tomados foram nos 45 minutos iniciais.