Atacante do Chelsea fura quarentena e é detido acusado de estupro

Callum Hudson-Odoi conheceu uma mulher na internet e, para vê-la, furou o protocolo de isolamento

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 18 (AFI) - O atacante Callum Hudson-Odoi tem apenas 19 anos e, agora, uma grave acusação. O jogador do Chelsea e da Seleção Inglesa foi detido, nesta segunda-feira, acusado de estupro. Ele pagou fiança e foi liberado.

"Quando os serviços de socorro chegaram, uma mulher afirmou ter sido estuprada e foi levada a um hospital. Um homem foi preso no local como suspeito de estupro. Ele foi solto após o pagamento de fiança e será convocado em meados de junho", informou um porta-voz da polícia ao Daily Mail.

Acusação grave. (Foto: Divulgação)
Acusação grave. (Foto: Divulgação)
Callum Hudson-Odoi conheceu uma mulher na internet e, para vê-la, furou o protocolo de isolamento. Ele mandou um carro buscá-la e levá-la até a sua casa. O atacante do Chelsea recuperou-se, recentemente, de Covid-19. Ele foi o primeiro jogador do Campeonato Inglês a ter o novo coronavírus.