Inglês: Conte admite que pode deixar o Chelsea ao fim da temporada: 'Tudo é possível'

Apesar da possibilidade, o treinador italiano fez questão de ressaltar que está feliz no comando dos Blues

por Agência Estado

Campinas, SP, 12 - Campeão da última edição do Campeonato Inglês e eleito o melhor treinador da competição na temporada de 2016/2017, o italiano Antonio Conte voltou a admitir nesta sexta-feira que pode deixar o Chelsea ao fim da atual temporada. Ele tem contrato com o clube londrino até junho de 2019.

"Tudo é possível", disse em tom enigmático o treinador de 48 anos em entrevista coletiva. "Eu tenho mais um ano no meu contrato neste clube, mas, no

Antonio Conte admite possibilidade de deixar o Chelsea
Antonio Conte admite possibilidade de deixar o Chelsea
futebol, tudo é possível. Nosso trabalho é muito difícil porque tudo pode mudar rapidamente."

Com o futuro de Conte em aberto, segundo a imprensa inglesa, o Chelsea já teria um pré-acordo com o também italiano Massimiliano Allegri, comandante da Juventus, da Itália. Os rumores de que o clube procura um substituto têm incomodado o treinador desde agosto, quando a equipe de Londres perdeu para o Burnley em sua estreia no Campeonato Inglês.

"Eu tenho muita experiência com esse tipo de situação. Mas tem algo estranho quando você perde o primeiro jogo para o Burnley e a imprensa pressiona pela minha saída. Eu acho que isso não acontece em outros times", criticou.

CONTENTE
Conte é o décimo técnico diferente a comandar o Chelsea desde que o bilionário russo Roman Abramovich comprou o clube em 2003. Apesar de não garantir que fica, o italiano, que além de vencer o Campeonato Inglês foi vice-campeão da Copa da Inglaterra na temporada passada, disse que está feliz no comando do clube.

"Estou feliz. Eu estou aproveitando meu período aqui. Não foi fácil, não foi simples para mim. Quando você começa a trabalhar, você precisa de tempo para melhorar seu trabalho, criar uma base sólida. No futebol de hoje, é muito difícil se manter por muitos anos em um clube, especialmente na Inglaterra", declarou.

Os rumores sobre sua saída e o rendimento do Chelsea em campo não são os únicos assuntos que têm incomodado Conte. O treinador está em atrito com o português José Mourinho, que chegou a acusar Conte de participar de manipulações de resultados quando comandava a Juventus.