Ex-volante do Cruzeiro revela desejo de seguir na Chapecoense

Elicarlos está desde 2017 e disse que ainda não foi procurado pela diretoria

por Agência Futebol Interior

Chapecoense, SC, 02 (AFI) - Rebaixada de forma antecipada para a Série B, a Chapecoense não vai esperar o fim do Brasileirão para iniciar o planejamento da próxima temporada. Um dos jogadores mais identificados com o clube do atual elenco, o volante Elicarlos ainda não tem futuro definido.

Na Chapecoense desde 2017, o jogador de 34 anos tem contrato até dezembro e demonstrou desejo de continuar em 2020 para colocar o clube novamente na elite do Brasileirão, mas ainda não foi procurado pela diretoria.

Elicarlos quer seguir na Chapecoense em 2020 (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)
Elicarlos quer seguir na Chapecoense em 2020 (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)
"A minha paixão pelo clube não muda (com o rebaixamento). Aconteceu, ninguém esperava. A intenção é de ficar. Ninguém chamou para conversar e vou aguardar para tentar resolver", disse o volante.

O rebaixamento para a Série B deve fazer o elenco passar por uma profunda reformulação, principalmente porque a cota de televisão vai cair bastante em relação a esse ano.

A prioridade antes de definir quem fica e quem sai é fechar com o novo treinador, já que Marquinhos Santos retorna ao Juventude após o Brasileirão. Hemerson Maria, que deixou o Botafogo-SP, é o principal nome.

Na penúltima colocação, com 28 pontos, a Chapecoense volta a campo na quarta-feira, contra o CSA, em sua última partida na Arena Condá nesta temporada.